21.8 C
Serra
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Galinhão dá posse

Leia também

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O prefeito reeleito da Serra, Audifax Barcelos (Rede), a vice, Márcia Lamas e os 23 vereadores eleitos da Serra tomam posse no dia 1º de janeiro, no Plenário da Câmara da Serra, para o quadriênio 2017 2020. O evento terá início às 16h. O vereador mais votado, Adriano Vasconcelos Rego (PTC), o Adriano Galinhão, que obteve 4.837 votos nas eleições do dia 2 de outubro, presidirá a sessão.

Terceiro Turno

Segundo informações da assessoria legislativa da Câmara da Serra, os primeiros a serem empossados serão os vereadores. Logo após o ato, Galinhão deve suspender a sessão e, em seguida, passará a conduzir a eleição da nova Mesa Diretora da Casa, convocando as chapas inscritas para o biênio 2017-2018. Tudo indica que deve haver duas chapas, uma composta por aliados de Audifax e outra por vereadores de oposição, o chamado grupo dos 12.

Desafetos empossando

Com a eleição terminada, o presidente recém-eleito da Mesa é quem dará posse ao prefeito e à vice-prefeita. Lembrando que a conjuntura política indica que o presidente tem forte chance de vir do grupo de oposição ao prefeito. Alguns desafetos de Audifax estão entre os cotados para assumir a presidência, como Nacib Haddad (PDT); Basílio da Saúde (Pros) e Neidia Maura (PSD), atual mandatária da casa.

Galinhão zen

Apesar do clima de polarização entre os dois grupos formados na Câmara da Serra, com 12 vereadores de oposição e 11 da base do prefeito Audifax, o vereador novato, Adriano Galinhão aposta em uma sessão tranquila. “Acho que a escolha da Mesa será tranquila. A função do vereador é legislar e fiscalizar, é o primeiro intercambio entre a população e o poder público”, disse.

Segue o ritual

Após a posse da nova Mesa e do prefeito e vice, a sessão é novamente suspensa. Em seguida, é iniciada a escolha dos membros e presidentes das comissões permanentes da Câmara. Segundo informações da assessoria da Câmara, a previsão é de que todo o processo dure aproximadamente duas horas.

Fora de área

Para evitar surpresas até lá, os vereadores do grupo dos 12, que tem a maioria dos votos, devem ficar sem seus celulares. Informações dos bastidores da casas dão conta de que os dozes parlamentares entregaram seus celulares à uma pessoa ligada ao grupo e apenas ligações de familiares devem ser repassadas aos vereadores. Essa seria mais uma tática do grupo para reforçar a blindagem ante o forte assédio dos interlocutores de Audifax, que tentam levar pelo menos um nome para o outro lado.

Velhas caras novas

Tomam posse na próxima segunda-feira (2), em sessão solene na Assembleia Legislativa, os suplentes JamirMalini (PP), José Esmeraldo e Esmael Almeida (ambos PMDB). Eles assumem as vagas dos prefeitos eleitos Cacau Lorenzoni (PP-Marechal Floriano), Edson Magalhães (PSD-Guarapari) e GuerinoZanon (PMDB-Linhares), que serão empossados como prefeitos de suas respectivas cidades no domingo (1). A posse dos novos membros do Legislativo capixaba acontece às 9h, no Plenário Dirceu Cardoso. Lembrando que todos eles já tiveram mandato na Assembleia.

Serra com dois

Malini será o reforço para a bancada da Serra a partir de 2017. É a segunda vez que assume uma das cadeiras da Casa. Em 2012, renunciou à cadeira de vereador da Serra para assumir a vaga de deputado do então prefeito eleito de São Gabriel da Palha, Henrique Vargas (PRP). Jamir recebeu 11.600 votos em 2014, sendo o primeiro suplente da coligação PTN/PSL/PTdoB/PP/PTB. Com Malini a Serra fica com dois deputados estaduais, o outro é Bruno Lamas (PSB).

 

Mais notícias

video

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades), Bruno Lamas...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer mudanças. Na prática o banco...

Prefeitura faz demolição de casas em invasão na Serra

A invasão que persisti em continuar, na área de proteção ambiental, na Avenida Norte Sul, em Colina de Laranjeiras, sofreu mais um duro golpe...

Projeto abre mil vagas para cursos profissionalizantes

Está em casa desempregado e sem dinheiro para fazer um curso profissionalizante? Um projeto social da Serra, o Juventude Ativa, está com inscrições abertas...

Você também pode ler

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!