25 C
Serra
sábado, 25 de janeiro de 2020

Farejos políticos de 2020

Leia também

Câmara da Serra pode ganhar mais um vereador

Nova decisão da Justiça vai promover alterações na Câmara da Serra. O juiz substituto Leonardo Mannarino Teixeira Lopes, da...

PRTB elege nova diretoria e promete candidatura majoritária na Serra

Atentas ao calendário eleitoral 2020, lideranças do PRTB capixaba estão promovendo mudanças nos comandos da legenda em diversos município...

Exame de vista gratuito em Laranjeiras em fevereiro

No próximo dia 1 fevereiro (sábado), será realizado em Parque Residencial Laranjeiras, o projeto ‘Olhos do Bem’, que levará...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Por Yuri Scardini

É hora de dar adeus a 2018 e olhar para 2019. O que esperar desse ano no campo político da Serra?  Nesse início é hora de reorganizar as forças no tabuleiro. Mas há muitas dúvidas, naturalmente. O certo é que 2019 será tempo de ganhar musculatura política-eleitoral e viabilizar as condições para chegar competitivo em 2020.

O prefeito Audifax (Rede) olha com lupa o orçamento e a máquina pública. Ele sabe que as entregas de obras e uma gestão de resultados são cláusulas sine qua non para entrar firme na disputa pela Prefeitura através de um sucessor político. Ele conta com algumas cartas na manga. Entre elas, a boa condição fiscal do município, que permite a tomada de empréstimos. 2019 deve ser ano da Serra se transformar em canteiro de obras com dopping de R$ 300 milhões em investimentos, fruto de operação de crédito.

Nesse início de ano Audifax exonerou todos os quase 1000 comissionados e oxigena a máquina pública com novos e até velhos nomes. Entre eles, coronel Nylton Rodrigues para a Defesa Social é o favorito no grupo do prefeito para tomar a rédea da sucessão. A partir de algo o militar tem que provar sua viabilidade eleitoral. Mas a conjuntura política atual permite sonhar com essa possibilidade.

Já no campo adversário, o deputado federal Sérgio Vidigal (PDT) teve um 2018 péssimo. Processos na Justiça e decisão do Tribunal de Contas podem deixá-lo inelegível. Além disso, o Ministério Público questiona suas contas de campanha. Politicamente se isolou devido ao equívoco de lançar a esposa para deputado estadual, e por tabela, candidatura que falhou nas urnas. Vidigal precisa reciclar o discurso, as práticas e reorganizar seu grupo que desmantelou. Mas ele ainda é o Vidigal, uma das forças mais consideráveis do Estado.

Emergente é Bruno Lamas (PSB). Recém-anunciado como Secretário Estadual de Desenvolvimento Social, num contexto de aumento da pobreza e desmanche das políticas sociais. Bruno quer surfar rumo a Prefeitura empurrado pelo aliado, o governador Renato Casagrande, dono da caneta de R$ 18 bilhões em orçamento. Ainda é uma incógnita a relação Bruno e Audifax, mas sabe-se que não haverá meio termo. Ou são aliados ou adversários.

Outras forças expressivas desenham seu espaço no tabuleiro. O deputado Vandinho Leite (PSDB) come quieto e costura pelo bastidor. Pensa em política 24h e sabe enxergar as melhores oportunidades. Vai estar no jogo.

Dúvida é o PSL, partido do presidente Bolsonaro que se organiza para abocanhar prefeituras, mas estará condicionado a resultados minimamente aceitáveis a nível nacional. Será que se sustenta o raso discurso de dualidade entre direita e esquerda numa eleição local?

Comentários

Mais notícias

PRTB elege nova diretoria e promete candidatura majoritária na Serra

Atentas ao calendário eleitoral 2020, lideranças do PRTB capixaba estão promovendo mudanças nos comandos da legenda em diversos município capixabas. E as alterações se...

Exame de vista gratuito em Laranjeiras em fevereiro

No próximo dia 1 fevereiro (sábado), será realizado em Parque Residencial Laranjeiras, o projeto ‘Olhos do Bem’, que levará para os participantes exames de...

Chuvas | Serra antecipa limpeza de bueiros e valas

Áreas de instabilidade se intensificaram sobre o mar e avançaram para o Espírito Santo espalhando nuvens carregadas sobre algumas regiões do estado próximas do...

Cinquenta voluntários da Serra vão ajudar na limpeza de Iconha

Muitas doações de produtos de limpeza, alimentos e roupas estão chegando ao município de Iconha, devastado por chuvas que atingiram o sul do Espírito...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem