21.8 C
Serra
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Trecho da BR 101 na Serra é o que mais mata no Brasil

Leia também

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O trecho da br em Carapina é um dos mais perigosos dentro do município. Foto: Fábio Barcelos
O trecho da BR em Carapina é um dos mais perigosos dentro do município. Foto: Fábio Barcelos

Por Thiago Albuquerque

A Serra que é a cidade que tem mais homicídios no Estado, também ostenta um dado bem negativo em relação  a BR 101   que atravessa o município. Segundo dados apresentados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, o Ipea, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, a Serra ficou na liderança com o trecho mais perigoso do Brasil.

A constatação está no relatório da Pesquisa de Acidentes de Trânsito nas Rodovias Federais Brasileira de 2014, divulgado nesta quarta-feira (23).

O trecho dentro da cidade que registra esses altos números é o que fica entre o Pavilhão de Carapina e o bairro Nova Carapina, no quilômetro 260 e 270 da BR-101. Neste trecho em 2014, foram registrados 877 acidentes, destes: 11 mortos, 126 acidentes graves.
Depois da Serra, dentro do estado, outras três cidades figuram entre às vinte mais perigosas do Brasil. Linhares em 4º, no trecho 140 e 150 da BR-101, com 581 acidentes, 10 mortos; Cariacica em 5º, na BR-262, no trecho 0 e 10, com 883, 4 mortos e São Mateus em 19º, com 198 acidentes e 5 mortes, no trecho 60 e 70 na BR-101.

A BR 101 tem, no total, 4.772 km e atravessa 12 estados do Sul, Sudeste e Nordeste, pela região litorânea.

Pelo Brasil afora em 2014 foram registrados cerca de 170 mil acidentes pelas rodovias federais, e desses, 8.227 mil pessoas aproximadamente perderam a vida segundo o Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus). Isso tudo gera aos cofres do governo um custo de R$ 40 bilhões reais.

 

Artigo anteriorA Rede no jogo da Serra
Próximo artigoArmadilhas do WhatsApp

Mais notícias

video

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades), Bruno Lamas...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer mudanças. Na prática o banco...

Prefeitura faz demolição de casas em invasão na Serra

A invasão que persisti em continuar, na área de proteção ambiental, na Avenida Norte Sul, em Colina de Laranjeiras, sofreu mais um duro golpe...

Projeto abre mil vagas para cursos profissionalizantes

Está em casa desempregado e sem dinheiro para fazer um curso profissionalizante? Um projeto social da Serra, o Juventude Ativa, está com inscrições abertas...

Você também pode ler

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!