Prefeitura planta árvores e cerca terreno para acabar com lixão na Serra

0
Prefeitura planta árvores e cerca terreno para acabar com lixão na Serra
O lixão ficava numa Área de Proteção Ambiental. Foto: Divulgação

Para acabar com um ponto viciado de lixo que fica numa Área de Preservação Permanente no bairro Hélio Ferraz, na Serra, a Prefeitura da Serra está cercando o local, plantando mudas e construiu uma calçada cidadã. Só este ano, já foram retiradas 460 toneladas de lixo do espaço que já foi limpo mais de 35 vezes. A cena sempre era a mesma: o município realizada a limpeza e algumas horas depois o ponto ficava cheio de lixo novamente.

Pensando em impedir que este tipo de cena se repita mais vezes no local, a Secretaria de Serviços (Sese) e a Secretaria de Meio Ambiente da Serra (Semma) começaram as obras de revitalização do local. Além do plantio de mudas e colocação de toras – uma forma de cerca – a prefeitura colocou placas educativas para conscientizar a população a manter o local sempre limpo.  Também foi construída uma calçada cidadã no local.

Este lixão já foi alvo de diversas matérias do TEMPO NOVO. Em abril, a Sese realizou a limpeza do local, mas três dias depois o espaço estava cheio de entulho e até lixo doméstico. Para se ter uma ideia, só em 2018, quase cem mil toneladas de entulho foram retiradas das ruas da Serra. No ano anterior, em 2017, foram recolhidas mais de 70 mil toneladas.

Também em 2018, foram aplicadas mais de 185 multas a pessoas físicas e jurídicas que descartaram entulho em locais irregulares, o que representa R$ 1.180.000 em multa.

Denúncias

De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura da Serra, os moradores podem realizar denúncias do descarte irregular de entulho, enviando fotos e vídeos de flagrantes de irregularidades para o WhatsApp 99976-2595.

Descarte correto

A Prefeitura da Serra mantém o programa João de Barro em andamento no bairro Novo Porto Canoa. No local podem ser descartados resíduos da construção civil de pequenos geradores da região. Fica na Avenida Amazonas, ao lado do Centro Comunitário. O horário de funcionamento é de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas. Cada morador pode levar, no máximo, 15 sacos de ráfia ou 15 carrinhos de mão de entulho, por dia.

Para destinação de entulho, o município disponibiliza também a Área de Transbordo e Triagem no Bairro Barcelona, localizada a Av. Região Sudeste, 300 metros após a entrada pela BR 101, antes do posto BKR.

Para descartar mais de 15 sacos de ráfia, o morador precisa contratar uma caçamba de empresas credenciadas que são monitoradas pela prefeitura; e tem de dar uma destinação correta para o entulho, conforme prevê a lei 4.764, de 28 de dezembro de 2017, que estabelece multa de até R$ 2.224 para quem não cumpre as regras.

Comentários