29.8 C
Serra
quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

Parque da Cidade vai ganhar mais de 500 novas árvores

Leia também

Atraso de entrega de imóvel gera direito a indenização

O ano 2018 marcou o fim de um ciclo de 5 anos de retração econômica, de acordo com a ...

Desastre ambiental iminente no Atlântico envolve de novo a Vale

Co-responsável pelo derramamento de rejeitos no rio Doce e no mar com o rompimento da barragem da Samarco (Vale...

O suplente Fábio Latino assumirá em definitivo a vaga de Cabo Porto na Câmara

Com a morte do vereador Cabo Porto, o suplente, Fábio Latino (PSB), deverá assumir a vaga. Latino conversou com...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O local está passando por obras de expansão, que devem ficar prontas ainda neste semestre. Foto: Divulgação

Além de maior e com mais opções de esporte e lazer, o Parque da Cidade vai ganhar novas 500 árvores este ano.  O local está passando por obras de expansão, que devem ficar prontas ainda neste semestre.

O Parque, localizado no coração de Laranjeiras, vai receber exemplares de plantas nativas, como Ipê, Pau-Brasil, Pau-Ferro, Quaresmeiras e Pata-de-Vaca. Para que isso seja possível, a Prefeitura contratou um serviço de supressão de espécies de árvores exóticas e invasoras.

A supressão foi devidamente autorizada pelo órgão responsável, o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf).

A secretária de Meio Ambiente, Áurea Galvão, explica que essa é uma ação de recuperação e enriquecimento ambiental da área. “As árvores exóticas prejudicam o crescimento da vegetação nativa, não contribui para a fauna local e nem para a infiltração adequada de água no solo. Além disso, com esse plantio também estamos preservando o entorno do córrego Laranjeiras”, afirmou.

Expansão

Com um investimento de R$ 2.3 milhões, o Parque deve receber, segundo a Prefeitura da Serra, novos equipamentos para lazer e prática de esportes, o espaço ganhará uma nova entrada que será pela avenida Guarapari, Valparaíso, além de ponte sobre o córrego Laranjeiras que nasce no local.

Atualmente o parque conta com 115,1 mil metros quadrados, após a expansão o local terá 135,18 mil metros quadrados de área verde. Os frequentadores poderão usufruir de novas pistas de caminhadas, equipamentos de lazer e até novos playgrounds.

Uma das novidades é que a partir deste ano o espaço de lazer também contará com uma passarela de madeira que ficará sobre o córrego. A estrutura já está sendo finalizada e tem chamado atenção de quem utiliza o espaço. Junto com a obra de expansão, a prefeitura realizou a reforma do campo de futebol society com grama sintética e também implantou nova iluminação em todo o parque, essas duas melhorias já foram entregues.

Ainda segundo informações da Prefeitura da Serra, o município irá construir uma calçada cidadã no entorno do parque, onde será a entrada de Valparaíso e também será feito um estacionamento para ônibus.

Espaço para cães e até bromeliário

O Parque da Cidade foi inaugurado em 12 de dezembro de 2008 e funciona de segunda a domingo, das 6 às 21 horas. No local podem ser avistados animais como sagui, esquilo, cágados, jacupembas, gambá, gavião carijó, gavião carcará, pomba margosa, entre outros.

O local oferece um Centro de Estudo, Pesquisas e Conservação de Bromélias e outras Herbáceas da Serra. O projeto é destinado à educação ambiental, onde o visitante encontra o bromeliário, um viveiro de plantas (ornamentais, da Mata Atlântica, carnívoras/insetívoras, bioativas e sensitivas), destinados à arborização do Parque, escolas, praças e podendo ser também utilizadas em programas para reflorestamento.

O Parque da Cidade possui ainda duas quadras poliesportivas; quadra de tênis; campo de futebol society; pista de skate; playground; ciclovia; pista de caminhada; estacionamento; auditório e Centro de Educação Ambiental.

Tem ainda, na lateral do parque, o Espaço Cãotinho para cães. Mas este espaço está fechado desde o último dia 10 de abril e deverá permanecer desta forma pelos próximos 90 dias, devido às obras de construção da rotatória de Valparaíso.

Comentários

Mais notícias

Desastre ambiental iminente no Atlântico envolve de novo a Vale

Co-responsável pelo derramamento de rejeitos no rio Doce e no mar com o rompimento da barragem da Samarco (Vale + BHP Billiton) em 2015...

O suplente Fábio Latino assumirá em definitivo a vaga de Cabo Porto na Câmara

Com a morte do vereador Cabo Porto, o suplente, Fábio Latino (PSB), deverá assumir a vaga. Latino conversou com a reportagem nesta quarta-feira (26)....

Nome do vereador Cabo Porto deverá ser eternizado na Arena Riviera em Jacaraípe

Jucélio Nascimento Porto, popularmente conhecido como Cabo Porto (PSB), que morreu no último sábado (22) em decorrência de um acidente de trânsito, poderá ter...

Homicídios disparam e Serra volta a ser a cidade onde mais se mata no ES

Após seis meses fora do topo do ranking das cidades onde mais pessoas perderam a vida para a violência, a Serra voltou a liderar...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem