21.6 C
Serra
quinta-feira, 04 de junho de 2020

Oficina Terapêutica para um melhor equilíbrio entre corpo e mundo

Leia também

Para conviver com filhos, pais separados devem se adaptar na quarentena

Este artigo não remete necessariamente a opinião do Portal Tempo Novo, mas sim do advogado Leandro Sarnáglia. Desde o início...

Serra vai acolher idosos positivos para Covid-19 em hotel durante quarentena

A Prefeitura da Serra oferece uma nova modalidade de acolhimento no município para idosos e pessoas com deficiência. O...

Em live, prefeito da Serra e do Macapá discutem gestão e pandemia nesta quarta

Os prefeitos Audifax Barcelos (Rede), da Serra, e Clecio Luiz, do Macapá, realizam live nesta quarta-feira (3) para discutir...
Vilson Vieira Jrhttps://www.portaltemponovo.com.br%20
Morador da Serra, Vilson Vieira Junior é repórter do Tempo Novo. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Esporte.

A psicóloga Janaína Coelho é a responsável pelo projeto Coreografia dos Afetos. (Foto: Arquivo Pessoal)

Criar mais intimidade com suas emoções, voltar-se para si mesmo a fim de entender as angústias e se sentir melhor em relação ao mundo externo. Esses são alguns dos propósitos da Oficina Terapêutica “Coreografia dos Afetos”. Será no dia 18 de maio, no Centro Cultural Eliziário Rangel, em São Diogo. As inscrições estão abertas e as vagas são limitadas para participar das atividades.

Segundo a psicóloga e mestre em Psicologia Institucional, Janaína Coelho, responsável pela oficina, as atividades têm início nas dependências internas do Centro Cultural, onde serão propostos exercícios corporais. “Depois, conduzirei os participantes a uma praça perto do local. Lá, daremos continuidade ao trabalho de experimentação corporal e percepção do ritmo de cada indivíduo. Em seguida, voltaremos ao local de início e daremos continuidade ao trabalho de organização corporal e emocional”, explica Janaína.

A oficina promete oferecer uma experiência diferenciada aos amantes e praticantes da dança e das artes cênicas. “Será uma experimentação de fruição dos movimentos. Os exercícios propostos irão ajudar a criar um ritmo de movimentação e expressão de cada corpo, e é por esse caminho que uma dança será confeccionada. Cada participante criará sua própria Coreografia dos Afetos”, pontua. Segundo Janaína, isso irá proporcionar uma vivência grupal entre os participantes.

Para a psicóloga corporal, a Oficina Terapêutica permite a cada participante entrar em contato com seu ritmo interno e, ainda, perceber como este ritmo fica ao interagir com a cidade. “É comum que nos sintamos distanciados de nós mesmos nos dias de hoje e é natural que outros ritmos nos afetem. Mas é importante que saibamos qual é o nosso jeito e maneira de ser para percebermos quando alguma alteração acontece”, salienta a profissional.

Para mais informações sobre a Oficina Terapêutica, o telefone é: (27) 99643-8270.  

Comentários

Mais notícias

Serra vai acolher idosos positivos para Covid-19 em hotel durante quarentena

A Prefeitura da Serra oferece uma nova modalidade de acolhimento no município para idosos e pessoas com deficiência. O Hotel Praia Sol, localizado em...

Em live, prefeito da Serra e do Macapá discutem gestão e pandemia nesta quarta

Os prefeitos Audifax Barcelos (Rede), da Serra, e Clecio Luiz, do Macapá, realizam live nesta quarta-feira (3) para discutir temas referentes à pandemia do...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!