22.9 C
Serra
terça-feira, 02 de junho de 2020

Obra do complexo esportivo Riviera está parada há 5 anos

Leia também

Assaltos a mão armada em Chácara Parreiral assusta moradores

  Moradores de Chácara Parreiral reclamam da quantidade de assaltos que tem acontecido no bairro. Segundo eles, roubos e assaltos a...

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Moradores reclamam que local virou esconderijo de bandidos e usuários de drogas. Foto: Arquivo TN/Fábio Barcelos

Localizado numa área nobre de Jacaraípe às margens da Av. Abdo Saad, o complexo esportivo e cultural Riviera está com as obras paralisadas há cinco anos. Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura da Serra, até o final deste mês será anunciada a empresa vencedora da nova licitação aberta pelo município.

A obra foi iniciada na última gestão do ex-prefeito Sérgio Vidigal (PDT) e paralisada logo após o prefeito Audifax Barcelos assumir o cargo no 1º semestre de 2013. Na ocasião a obra foi embargada por apresentar problemas estruturais.  A assessoria de imprensa da Prefeitura não deu estimativa de quando a obra será retomada, afirmando que só será possível dar a data quando a licitação for concluída.

O complexo ficará na área do antigo clube – já demolido – que dá nome ao projeto. E terá dois pavimentos, que incluem quadra poliesportiva, arquibancada para 1.188 pessoas, duas lanchonetes, duas salas multifuncionais, sala de musculação, vestiários para atletas, vestiários para funcionários, salas de árbitros. A reportagem questionou quanto o município já gastou com o projeto e quanto custará a retomadas das obras, mas não obteve resposta.

Além do complexo, parte do terreno deverá ser doado ao Governo Estadual para a implantação Departamento de Polícia Militar (DPM). Sobre isto, a assessoria da Prefeitura informou que o município está sendo providenciada regularização da área a ser doada para iniciar as tratativas com o governo do Estado.

Comentários

Mais notícias

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante o mês de junho. A...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes no Espírito Santo. Até a...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!