25 C
Serra
quarta-feira, 02 de dezembro de 2020

Má iluminação põe motoristas em risco na rotatória de Maringá, diz moradores

Leia também

Serra poderá ganhar mais uma vaga na Assembleia Legislativa

O resultado da eleição 2020 impactou na composição da Assembleia Legislativa. E com as mudanças a Serra pode alcançar...

Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade

Está em vigor, a partir de hoje (1º), a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que restabelece os prazos...

Matrículas abertas para novos alunos em creches da Serra

A pandemia causada pelo coronavírus fez com que todas as cidades brasileiras suspendessem as aulas presenciais. Mesmo assim, as...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Obra está sendo finalizada, mas transtornos incomodam moradores. Foto: Fernando Rubim

A construção da nova rotatória de Maringá está trazendo transtornos para os motoristas e pedestres que precisam circular diariamente pela região. No local, que interliga aproximadamente sete bairros, falta iluminação em algumas partes e também está sem a sinalização completa, já que as obras ainda estão em andamento. Quem passa por lá, cobra agilidade nas melhorias, pois se sentem inseguros e temem acidentes.

Everton Schneider mora em Porto Canoa, e precisa passar todos os dias pelo local onde está sendo realizada a obra. De acordo com ele, a iluminação está precária e isso está aumentando até o risco de assaltos na redondeza. “Muitas vias estão sem iluminação e a noite fica muito escuro. Ontem (11) um motorista de aplicativo foi assalto por ali. Precisamos que essa obra ande e seja finalizada logo, pois os transtornos são grandes”, afirma o popular.

Ainda de acordo com o morador, a falta de sinalização também preocupa. “Quem não conhece precisa pensar muito antes de andar pelas ruas, caso contrário ele fica perdido e fica dando várias voltas. Não tem sinalização vertical e nem horizontal, sendo que era preciso pelo menos uma provisória para que não aconteça um acidente. Sem contar que a obra está acontecendo muito devagar, o que aumenta e muito os transtornos”, reclama.

Nas redes sociais, a reportagem também recebeu muitas reclamações parecidas com a de Everton. É o caso da Valeria Pignaton Dalmazio. Ela também afirmou que é difícil circular pelas ruas durante a noite. “A obra está muito bagunçada, não tem sinalização e até mesmo para nós que conhecemos a região durante a noite fica difícil trafegar, pois cada dia tem um desvio diferente. Imagina para quem não conhece o local.”

Sérgio Ricardo também está indignado com a situação. “Da até angústia em saber que daqui a pouco passarei por lá. Sem iluminação, sem marcações na pista… um breu danado. Fora a volta que é para ir para Serra Douradas. Deviam ao menos iluminar as pistas”, destaca o morador.

Prefeitura diz que local é iluminado e promete entregar obra nos próximos dias

Conforme noticiado pelo TEMPO NOVO, as obras deveriam ter sido entregues no dia 31 de julho, conforme prometido pela Prefeitura da Serra no dia 30 do mesmo mês, mas isso não aconteceu. Agora, o Município afirmou que a construção será finalizada nos “próximos dias”, mas não deu um prazo concreto.

Sobre as reclamações da falta de iluminação, a assessoria de imprensa da prefeitura disse que o local já conta com iluminação pública, mas o Município está ampliando a iluminação no local, de acordo com o projeto da nova rotatória.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Audifômetro: faltam 30 dias para o fim do governo Audifax na Serra
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!