22.7 C
Serra
terça-feira, 11 de agosto de 2020

Assassinatos caem 38% na cidade em 2018, aponta Governo

Leia também

Retorno das aulas presenciais preocupa autoridades do Estado

Autoridades políticas criticam o anúncio do governo do Estado de que deve retornar as aulas, após o período de...

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas...

Vereadores da Serra adiam votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)

Após entrar em pauta para votação nesta segunda-feira (10), o projeto de lei contendo a Lei de Diretrizes Orçamentárias...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

 

Homem assassinado no último dia 4 de abril na região do bairro Carapina. Foto: Reprodução Facebook

Thiago Albuquerque

De janeiro a abril deste ano, 79 pessoas foram mortas na cidade da Serra. Com a média de 0,65 homicídios por dia, os números mostram uma redução comparando com o mesmo período do ano passado. Em 2017, nos mesmos quatro primeiros meses, 128 pessoas haviam sido assassinadas na Serra.

Os dados são da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social do Espírito Santo, que até a última quinta-feira (28 de junho) ainda não havia disponibilizado o número de assassinatos em maio.

A redução notada nos quatro primeiros meses de 2018 também aconteceu no mês de abril, quando 17 pessoas foram assassinadas na Serra. O número é 39% menor do que no mesmo mês do ano passado, quando foram contabilizados 28 homicídios. Porém, mesmo com os números caindo, o município da Serra continua líder da violência contra a vida no Espírito Santo. 

Até abril, Serra já soma 33% dos homicídios na região metropolitana da Grande Vitória. Com 79 casos, ela fica à frente de Vila Velha que soma 57; Cariacica com 50; Vitória com 24; Guarapari com 19; Fundão com três e Viana com dois. Já comparando os números serranos com todas as cidades do ES, a Serra representa 19%, dos 415 homicídios no Estado em 2018. O detalhe é que a população da Serra corresponde a cerca de 12% da total de moradores do Espírito Santo, o que revela uma violência maior também em proporção na cidade.

Vale lembrar que a Sesp sempre informa que só são contabilizados os homicídios onde as vítimas morreram no local. Assim, os feridos por alguma ação violenta que morrem posteriormente no hospital em decorrência da lesão sofrida não entram na contabilidade de homicídios das autoridades estaduais.  

Comentários

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas com alunos do Ensino Médio...

Vereadores da Serra adiam votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)

Após entrar em pauta para votação nesta segunda-feira (10), o projeto de lei contendo a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2021 foi retirado da...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!