21.9 C
Serra
quinta-feira, 02 de julho de 2020

Prefeitura diz que entregou álcool, máscaras e capacitou agentes de endemias para continuar combate ao Aedes

Leia também

Falta de sinalização em rodovia e ciclovia da Serra põe vida de ciclistas em risco

Ciclistas que se aventuram a pedalar pela ciclovia da rodovia Audifax Barcelos, na Serra, precisam ter cuidado redobrado. Isto...

Cristóvam Buarque participa de live sobre educação na terça-feira

"A Educação é um valor e prioridade central na minha vida". A afirmação é da pré-candidata a prefeita da...

Políticos da Serra defendem adiamento das eleições municipais para novembro

Autoridades politicas capixabas defendem o adiamento das eleições 2020 para novembro, em função da pandemia do novo coronavírus. Segundo...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Com risco de ter um novo surto de dengue neste ano, a Serra já registrou 2.063 casos da doença somente em 2020, sem nenhum óbito. Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), que segue fazendo ações para combater o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e também da zika e da chikungunya. Com a pandemia da Covid-19, alguns agentes estão com medo de contrair ou até mesmo transmitir a doença.

Um agente de endemias que não quis se identificar, disse que faz visitas domiciliares entrando e saindo em mais de vinte imóveis todos os dias. “Como temos oito equipes com dez agentes em cada visitamos mais de 1.600 imóveis todos os dias, vejo que neste momento o trabalho da categoria é de grande risco de ser infectado ou infectar muitas pessoas, mas até o momento o setor que trabalho não dá uma posição sobre o que deve ser feito”.

O TEMPO NOVO procurou a Prefeitura da Serra para falar sobre o assunto que disse entregou equipamento de proteção individual, tais como álcool e máscaras.
As equipes também foram treinadas e capacitadas para este momento.

Tentando conter a expansão da doença, a Prefeitura da Serra continua com a força-tarefa de combate à dengue. Segundo a assessoria de imprensa da Sesa, estão sendo mobilizadas equipes de unidades de saúde, agentes de combate a endemias e moradores dos bairros. O objetivo do mutirão é alertar e orientar sobre a limpeza de quintais e casas visando eliminar focos do mosquito.

Além disso, a Sesa afirma que mantém as demais ações de rotina, entre elas telagem de caixas d’água, uso de bombas costais para pulverização, visitas domiciliares, ações educacionais e aplicação de larvicida.

Os bairros onde mais foram registrados moradores doentes por causa da dengue são: Planalto Serrano, Vista da Serra e Feu Rosa.

Em 2019

No ano passado, foram mais de 17 mil casos da doença durante os 12 meses, além de 10 mortes.

Comentários

Mais notícias

Cristóvam Buarque participa de live sobre educação na terça-feira

"A Educação é um valor e prioridade central na minha vida". A afirmação é da pré-candidata a prefeita da Serra, Luciana Malini (PP), que...

Políticos da Serra defendem adiamento das eleições municipais para novembro

Autoridades politicas capixabas defendem o adiamento das eleições 2020 para novembro, em função da pandemia do novo coronavírus. Segundo proposta, que deve ser votada...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!