28.6 C
Serra
domingo, 24 de Maio de 2020

CORONAVÍRUS NA SERRA

cidade registra 1.777 infectados, 107 mortos e 554 curados

Audiência pública discute regularização fundiária em Belvedere

Publicado em:
Atualizado em:

Leia também

Academias de ginástica do Estado voltam a funcionar nesta segunda-feira (25)

O Governo do Estado liberou as academias de ginástica para voltar a funcionar a partir desta segunda-feira (25), em...

Idosos de asilos da Serra testam positivo para Covid-19

Três residentes de Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) da Serra testaram positivo para o novo coronavírus. O município...

Mais 12 moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 107 óbitos

Em apenas 24 horas, a Serra registrou 12 novas mortes causadas pela Covid-19. A informação foi divulgada pela Secretaria...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

O defensor Público Rafael Portella explicou aos moradores as possibilidades legais para evitar a perda dos imóveis. Foto: Conceição Nascimento
O defensor Público Rafael Portella explicou aos moradores as possibilidades legais para evitar a perda dos imóveis. Foto: Conceição Nascimento

Por Conceição Nascimento

Aproximadamente 400 moradores dos bairros Belvedere e Jardim Serra Verde se reuniram em audiência pública com representantes do Núcleo de Defesa Agrária e Moradia (Nudam) da Defensoria Pública do Espírito Santo para discutir alternativas a fim de evitar a perda dos imóveis de posse das famílias residentes naquelas comunidades há décadas.

Parte dos terrenos, aproximadamente 400 lotes onde estão localizados os bairros, é reivindicada por uma empresa, que tem dívidas junto ao Governo federal e oferece os bens como garantia. Outros imóveis são reivindicados por outras empresas, que alegam ser proprietárias dos mesmos. Com isso, moradores estão sujeitos a perder suas casas.

E encontro contou com a presença dos defensores públicos do Núcleo Especializado, Rafael Mello Portella Campos e Maria Gabriela Agapito, do defensor público Vinicius Lamego de Paula, que atua no Núcleo de Serra e da Procuradora Regional dos Direitos do Cidadão, Elisandra de Oliveira Olímpio, do Ministério Público Federal. As secretarias de Habitação e de Desenvolvimento Urbano da Serra, embora tenham sido convidadas, não enviaram representantes.

Na audiência, o Núcleo de Defesa Agrária e Moradia apresentou à Associação de Moradores as diretrizes para o atendimento da população do Bairro de Belvedere, que abrange ambas as comunidades. A estratégia do órgão consistirá na organização da comunidade por quadras, para mapear os problemas jurídicos que dificultam a regularização fundiária da área.

O defensor Rafael Portella destacou a importância do envolvimento dos moradores para que o trabalho seja exitoso.

“Trata-se de um adensamento populacional consolidado e com muitas famílias que vivem no local há mais de cinco anos. O Nudam irá averiguar todas as medidas judiciais cabíveis para proteger o direito fundamental à moradia dos residentes em ambos os loteamentos”, disse o defensor.

O presidente da Associação de Moradores de Belvedere, Wagner Ferreira dos Santos, informou que será feito um cadastramento dos moradores das comunidades com o objetivo de recolher documentos e endereçá-los ao Nudam.

“Com isso, vamos comprovar ao poder público que moramos no local e pagamos tributos. Vamos fazer um mutirão para realizar o levantamento o mais rapidamente possível”, explicou.

Comentários

Mais notícias

Idosos de asilos da Serra testam positivo para Covid-19

Três residentes de Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) da Serra testaram positivo para o novo coronavírus. O município conta com 23 instituições de longa...

Mais 12 moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 107 óbitos

Em apenas 24 horas, a Serra registrou 12 novas mortes causadas pela Covid-19. A informação foi divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa)....

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem