20.8 C
Serra
quarta-feira, 03 de junho de 2020

Assessor tenta impedir obra alegando que seu vereador não foi convidado

Leia também

Assaltos a mão armada em Chácara Parreiral assusta moradores

  Moradores de Chácara Parreiral reclamam da quantidade de assaltos que tem acontecido no bairro. Segundo eles, roubos e assaltos a...

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Assessor de Galinhão tumultuou obra de rampa no bairro Jardim Carapina. Foto: Divulgação/Tempo Novo Gabriel Almeida

Um vídeo que circula nas redes sociais está gerando muita polêmica. Um assessor (que não será identificado) do vereador Adriano Galinhão (PTC) tentou impedir que uma máquina da Prefeitura da Serra realizasse a obra de uma rampa no bairro Jardim Carapina. Em vídeo o assessor alega que o parlamentar não teria sido convidado para acompanhar o trabalho e, portanto a intervenção não seria creditada ao vereador.

Um dos presentes no local, Miqueias Silva, que é morador do bairro, filmou o bate boca envolvendo o assessor de Galinhão. No vídeo que tem quase seis minutos o assessor diz que “tem que ter hierarquia” referindo-se ao fato do vereador não ter sido formalmente convidado para estar presente na obra.

A obra é uma rampa no ponto final do bairro, na rua Belo Horizonte. Na gravação Miqueias argumenta que ele e um colega teriam feito um pedido na secretaria de Obras para executar a intervenção na comunidade e isso teria gerado ruído com Galinhão. Exaltado, assessor grita: “Você estão querendo entrar numa coisa que não é de vocês” e completa, “por que não atende o vereador? Porque ele (o prefeito) tem medo do vereador, já que votou a favor da CPI contra ele. Vocês estão querendo derrubar o vereador”, disse.

O assessor alega que há cerca de 4 meses Galinhão teria protocolado um pedido para que a prefeitura fizesse a obra, portanto, o servidor alega que a obra fosse creditada ao parlamentar. Em vídeo, Miqueias rebate: “Ninguém pode fazer nada por Jardim Carapina, só eles (referindo-se à Galinhão) que podem. Se eles não conseguem, Jardim Carapina tem que ficar um lixo”, disse.

Miqueias ainda afirma que o assessor chegou “cuspindo marimbondo” e dirigindo o carro pessoal de Galinhão. “Quando eles não conseguem trazer nada para o bairro, nós vamos lá e tentamos. Está ai agora sendo feita a obra. Isso não vai calar a gente, não vai intimidar, vamos continuar tentando trazer melhoria para a comunidade”, afirmou Miqueias.

A reportagem entrou em contato com o vereador para ele dar sua versão dos fatos narrados, assim que ele responder a demanda, será atualizado aqui.

Comentários

Mais notícias

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante o mês de junho. A...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes no Espírito Santo. Até a...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!