21.9 C
Serra
quinta-feira, 02 de julho de 2020

Em abril tem Festival de Orquídeas em Jacaraípe com entrada gratuita

Leia também

Falta de sinalização em rodovia e ciclovia da Serra põe vida de ciclistas em risco

Ciclistas que se aventuram a pedalar pela ciclovia da rodovia Audifax Barcelos, na Serra, precisam ter cuidado redobrado. Isto...

Cristóvam Buarque participa de live sobre educação na terça-feira

"A Educação é um valor e prioridade central na minha vida". A afirmação é da pré-candidata a prefeita da...

Políticos da Serra defendem adiamento das eleições municipais para novembro

Autoridades politicas capixabas defendem o adiamento das eleições 2020 para novembro, em função da pandemia do novo coronavírus. Segundo...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Cerca de 1.200 espécies de orquídeas diferentes podem ser encontradas no local. Foto: Claudiney Rocha

De 10 a 12 de abril vai acontecer em Jacaraípe, o XII Festival de Orquídeas, das 8 às 20 horas.

A realização é do Orquidário do Instituto Brasileiro de Fauna e Flora (Ibraff) que tem como coordenador o serrano Claudiney Rocha.

Estarão expostas cerca de 1.200 orquídeas de espécies diferentes. Mudinhas também serão vendidas no local. O evento acontece na rua Jair Dessauner, nº 03, no bairro Residencial Jacaraípe (próximo a igreja Maranata). A entrada é gratuita. A organização pede que os participantes levem um litro de leite que será para a Associação Pestalozzi. Quem doar o alimento poderá concorrer ao sorteio de orquídeas.

Além das lindas orquídeas, quem for ao local encontrará rosas do deserto, artesanatos e produtos direto da colmeia.

No ano passado, na mesma data, o festival contou com a presença de mais de duas mil pessoas nos três dias de evento.

Claudiney Rocha, do Ibraff, conta que sua paixão pela planta começou quando ainda era uma criança. “Sou da cidade de Santa Teresa e, ainda pequeno, ouvia falar de Augusto Ruschi. Na escola, ficava fascinado com tudo aquilo. Daí começou a crescer o ambientalismo no meu coração, a vontade de querer ter conhecimento sobre as plantas e seus habitats. No primário, lembro que estava na 4° série e a capa de um livro de ciências tinha estampado um Cattleya Warneri (espécie de orquídea) e, a partir daí, fiquei mais apaixonado ainda com as orquídeas e segui estudando sobre a planta e levando adiante este conhecimento”, conta.

Informações 27 99994-9438.

Comentários

Mais notícias

Cristóvam Buarque participa de live sobre educação na terça-feira

"A Educação é um valor e prioridade central na minha vida". A afirmação é da pré-candidata a prefeita da Serra, Luciana Malini (PP), que...

Políticos da Serra defendem adiamento das eleições municipais para novembro

Autoridades politicas capixabas defendem o adiamento das eleições 2020 para novembro, em função da pandemia do novo coronavírus. Segundo proposta, que deve ser votada...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!