23.2 C
Serra
segunda-feira, 06 de julho de 2020

“Se Deus quiser o óleo não vai chegar na Serra, mas se chegar, estaremos preparados”, garante Audifax

Leia também

Projeto garante teste gratuito de coronavírus a doadores de sangue

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei versa sobre a inclusão de testes para detecção da Covid-19 em...

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...
Yuri Scardinihttps://www.portaltemponovo.com.br
Morador da Serra, Yuri Scardini é o editor de política do Tempo Novo. Além de sua área, o jornalista, escreve para outras editorias do portal.

Audifax disse que município montou força tarefa com 100 homens para combater chegada do óleo. Foto: Divulgação.

“Se Deus quiser o óleo não vai chegar na Serra, mas se chegar, estaremos preparados”. Quem garante é o prefeito da Serra, Audifax Barcelos (Rede). Na manhã dessa terça-feira (12) uma comitiva da Prefeitura esteve na sede da Marinha, em Vitória, quando foram definidos ações caso o material contaminante chegue a praias da Serra.

O petróleo que contamina a costa brasileira da região Nordeste ao Espírito Santo, onde foi detectado pela primeira vez na última sexta-feira (08), está cada vez mais perto da Serra. As manchas mais próximas, foram avistadas na praia de Pontal de Ipiranga, em Linhares. Em linha reta, isso dá cerca de 65 km (conforme medição feita no Google Earth) da foz do rio Reis Magos, ponto mais ao norte do litoral do município.

“Acabamos de sair da Marinha, em uma reunião com o capitão, junto com IBAMA, Secretária Estadual de Meio Ambiente, IEMA e outros órgãos. Primeiro falar que esse óleo não chegou na cidade. Estamos nos planejando e organizando, caso, venha a ocorre, a gente esteja preparado”, disse Audifax.

Ele elencou ações que o município está fazendo para mitigar os impactos da possível chegada do óleo. “A boa notícia é que estamos preparados. Estamos com mais de 100 homens, com material e equipamento, prontos para ação. Se por um acaso o morador da Serra ver algum fragmento de óleo na região litorânea, pedimos que entre em contato com a Prefeitura da Serra pelo (27) 99812-6040, ou ligando para o número 185 ou com a Defesa Civil”, alertou o prefeito.

Esteve com ele, a secretária de Meio Ambiente, Áurea Galvão. De acordo com ela a Prefeitura está agindo de forma preventiva.

“Instituímos e orientamos todas as equipes para lidar com esse assunto, estamos fazendo monitoramento de todas as praias do município para se identificado alguma ocorrência ou fragmento do óleo, podermos agir imediatamente, tanto na limpeza como no acionamento dos órgãos estaduais e federais. Contamos com a colaboração de todos”, resumiu Áurea.

Veja vídeo:

 

Comentários

Mais notícias

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12 de julho, as 16 horas....

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!