24.5 C
Serra
quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

“Se Deus quiser o óleo não vai chegar na Serra, mas se chegar, estaremos preparados”, garante Audifax

Leia também

Emprego: Sine abre 101 vagas para início imediato na Serra

Os moradores da Serra que estão procurando uma oportunidade de emprego terão uma nova chance nesta quarta (11) e...

Polícia prende quatro homens por rombo de R$ 200 mil nos Correios

Na manhã desta quarta-feira (10) a Polícia Federal em parceria com a Polícia Militar identificou o possível esconderijo do...

Fortlev investe no mercado de energia solar

Líder nacional no mercado de caixas d’ água, inclusive com atuação até fora do país, a Fortlev acaba de...
Yuri Scardinihttps://www.portaltemponovo.com.br
Morador da Serra, Yuri Scardini é o editor de política do Tempo Novo. Além de sua área, o jornalista, escreve para outras editorias do portal.

Audifax disse que município montou força tarefa com 100 homens para combater chegada do óleo. Foto: Divulgação.

“Se Deus quiser o óleo não vai chegar na Serra, mas se chegar, estaremos preparados”. Quem garante é o prefeito da Serra, Audifax Barcelos (Rede). Na manhã dessa terça-feira (12) uma comitiva da Prefeitura esteve na sede da Marinha, em Vitória, quando foram definidos ações caso o material contaminante chegue a praias da Serra.

O petróleo que contamina a costa brasileira da região Nordeste ao Espírito Santo, onde foi detectado pela primeira vez na última sexta-feira (08), está cada vez mais perto da Serra. As manchas mais próximas, foram avistadas na praia de Pontal de Ipiranga, em Linhares. Em linha reta, isso dá cerca de 65 km (conforme medição feita no Google Earth) da foz do rio Reis Magos, ponto mais ao norte do litoral do município.

“Acabamos de sair da Marinha, em uma reunião com o capitão, junto com IBAMA, Secretária Estadual de Meio Ambiente, IEMA e outros órgãos. Primeiro falar que esse óleo não chegou na cidade. Estamos nos planejando e organizando, caso, venha a ocorre, a gente esteja preparado”, disse Audifax.

Ele elencou ações que o município está fazendo para mitigar os impactos da possível chegada do óleo. “A boa notícia é que estamos preparados. Estamos com mais de 100 homens, com material e equipamento, prontos para ação. Se por um acaso o morador da Serra ver algum fragmento de óleo na região litorânea, pedimos que entre em contato com a Prefeitura da Serra pelo (27) 99812-6040, ou ligando para o número 185 ou com a Defesa Civil”, alertou o prefeito.

Esteve com ele, a secretária de Meio Ambiente, Áurea Galvão. De acordo com ela a Prefeitura está agindo de forma preventiva.

“Instituímos e orientamos todas as equipes para lidar com esse assunto, estamos fazendo monitoramento de todas as praias do município para se identificado alguma ocorrência ou fragmento do óleo, podermos agir imediatamente, tanto na limpeza como no acionamento dos órgãos estaduais e federais. Contamos com a colaboração de todos”, resumiu Áurea.

Veja vídeo:

 

Comentários

Mais notícias

Polícia prende quatro homens por rombo de R$ 200 mil nos Correios

Na manhã desta quarta-feira (10) a Polícia Federal em parceria com a Polícia Militar identificou o possível esconderijo do grupo que estava assaltando agências...

Fortlev investe no mercado de energia solar

Líder nacional no mercado de caixas d’ água, inclusive com atuação até fora do país, a Fortlev acaba de entrar num outro negócio para...

WhatsaApp é principal fonte de informação do brasileiro, diz pesquisa

Uma pesquisa realizada pela Câmara dos Deputados e pelo Senado mostrou o WhatsApp como principal fonte de informação dos entrevistados: 79% disseram receber notícias...

Caixa começa a pagar décimo terceiro do Bolsa Família | Veja quando receber

Os beneficiários do Bolsa Família começarão a receber nesta terça-feira (10) o abono natalino, equivalente ao décimo terceiro do benefício. Instituído pela Medida Provisória...

Você também pode ler

Conteúdo patrocinado

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!