29.7 C
Serra
quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Governo propõe mudanças na aposentadoria dos servidores estaduais

Leia também

Estado prorroga pré-matrícula em escolas públicas ate o dia 19

A Secretaria da Educação (Sedu) prorrogou o prazo para a Pré-Matrícula na Rede Estadual para até o próximo dia...

Café com negócios para mulheres hoje a noite em Laranjeiras

Hoje (11) às 19h acontece o Happy Hour com Ideia para mulheres empreendedoras no prédio da Unip, em Laranjeiras....

Gabi da Serra e do Timão é eleita melhor meia do Brasileirão feminino

Gabriella Zanotti, a Gabi está há mais de um ano vestindo a camisa do Corinthians e este ano foi...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

O PL tramita na Assembleia Legislativa. Foto: Gilberto Paulino

Servidores estaduais que entraram com pedido de aposentadoria, mas querem continuar na ativa enquanto aguardam o benefício podem ser beneficiados com o Projeto de Lei Complementar (PLC) 37/2019. Servidores estaduais são regidos pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Estado (IPAJM), e o PLC propõe modificação. O projeto é de autoria do governador Renato Casagrande (PSB). 

O projeto altera o paragrafo 3º do artigo 25 da Lei Complementar 282/2014, acrescentando a possibilidade de o segurado permanecer em atividade. Atualmente, o servidor público da esfera estadual de qualquer Poder é afastado automaticamente do cargo no momento em que requer a aposentadoria. 

Com a mudança, caberá ao servidor a decisão de permanecer no cargo, enquanto aguarda o período de espera, desde que em acordo com a chefia imediata, podendo o afastamento ocorrer de imediato ou não. 

Na justificativa do projeto, o governador diz que o objetivo é o de contribuir com o fortalecimento dos princípios que norteiam a administração pública, como por exemplo, o da continuidade do serviço, promovendo ações de melhorias no Regime Previdenciário dos Servidores do Estado.   

Caso seja aprovada, a nova lei entrará em vigor no dia de sua publicação em diário oficial.

Urgência: 

O PLC 282/2019 vai tramitar em urgência na Assembleia Legislativa, devendo integrar a pauta de votações com a retomada dos trabalhos legislativos em 5 de agosto. Em plenário, o projeto vai receber parecer oral das comissões de Justiça, Cidadania e Finanças. O requerimento de urgência foi aprovado na sessão ordinária desta quarta-feira (17), última antes do recesso parlamentar. 

 
 
Comentários

Mais notícias

Café com negócios para mulheres hoje a noite em Laranjeiras

Hoje (11) às 19h acontece o Happy Hour com Ideia para mulheres empreendedoras no prédio da Unip, em Laranjeiras. O evento, que será no...

Gabi da Serra e do Timão é eleita melhor meia do Brasileirão feminino

Gabriella Zanotti, a Gabi está há mais de um ano vestindo a camisa do Corinthians e este ano foi o destaque do clube. Em...

Maquiadora vai sortear em parceria com o TN combo de procedimentos estéticos

As festas de final de ano estão chegando. E quem não quer ficar bonita e atraente para passar os festejos em grande estilo?! A...

Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 25 milhões

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (11) um prêmio estimado em R$ 25 milhões. As seis dezenas do concurso 2.215 serão sorteadas a partir das...

Você também pode ler

Conteúdo patrocinado

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!