20.3 C
Serra
sábado, 06 de junho de 2020

Empreiteira da Cesan faz descarte clandestino em bairro

Leia também

Mudanças no primeiro escalão da Prefeitura da Serra

Dois secretários municipais, Luciana Malini e Jolhiomar Massariol, foram remanejados entre secretarias da Mulher e da Coordenadoria de Governo...

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

 

Momento em que funcionários descartam o material. No detalhe, a logo da empreiteira e da Cesan. Foto: Divulgação leitor/Asafe Magnago

A Serra sofre constantemente com o descarte irregular de lixo. E na tarde da última quinta-feira (27), funcionários de uma empresa prestadora de serviço da Cesan, a Allsan Engenharia e Administração, foram flagrados jogando vários sacos de entulhos no local.

O flagra foi feito no bairro São Diogo, na rua Carapebus, num local que é considerado um ponto viciado de lixo. A denúncia é do ativista ambiental Asafe Magnago. “Há tempos observo empresas descartando lixo naquela região. Mas só agora consegui passar na hora que estavam fazendo. Infelizmente quem mora na região tem que conviver com esse problema crônico”, desabafa.

O gerente da Allsan, João Paulo Ucceli Simões, disse que a empresa considera a atitude inaceitável. “Não é uma prática adotada pela Allsan e os funcionários serão punidos. Sempre orientamos a descartar tudo na empresa, para darmos destino correto aos rejeitos. Segundo os funcionários não houve descarte, mas vamos enviar uma equipe para verificar a situação”, prometeu.

Já a Cesan, por meio de nota da sua assessoria de imprensa, disse que irá apurar a situação.

Por sua vez, a Prefeitura da Serra disse, também pela assessoria de comunicação, que a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) vai aplicar auto de infração contra a empresa responsável pelo descarte irregular. A Semma informa também que os moradores podem denunciar o descarte irregular de entulhos e outros resíduos por meio do WhatsApp (99976-2595), encaminhando fotos e vídeos de flagrantes de irregularidades. O anonimato será garantido.

A punição para quem é pego em flagrante descartando entulhos em lugares irregulares varia de R$ 50 a R$ 30 mil. Em março a Prefeitura divulgou que gasta R$ 5 milhões por ano para limpar os mais de 400 lixões clandestinos espalhados pela cidade. 

Comentários

Mais notícias

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente do coronavírus. Isso porque já...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!