27.7 C
Serra
sábado, 28 maio - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Em cinco dias, 2.555 animais são cadastrados para castração gratuita na Serra

Leia também

Campanha de segurança de trânsito alcança 3 mil serranos

Desde o inicio deste mês, o Departamento Operacional de Trânsito (DOT), tendo em vista a campanha de conscientização de...

Polícia prende suspeitos de roubar carro com bebê e criança na frente de creche na Serra

A Policia Civil, por meio da Divisão Especializada de Furtos e Roubos de Veiculos, prendeu em flagrante um dos...

Lei torna hediondo crime praticado contra menores de 14 anos

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.344/2022 que cria mecanismos para a prevenção e o enfrentamento da violência...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Doze animais foram resgatados em situação de maus-tratos ou feridos: sendo um gato e 11 cães. Foto: Edson Reis

A Serra deu início no último dia 13 ao maior programa de cuidados gratuitos para cães e gatos do Espírito Santo. Tendo como frentes de atuação a castração e o resgate de animais feridos, o programa ARCA (Animais Resgatados, Cuidados e Acolhidos) já resgatou das ruas da cidade, em cinco dias, 12 animais e cadastrou 1.417 tutores de animais que procuraram o serviço para castrar seu pets.

De acordo com o município, até o momento são 1.417 tutores cadastrados, responsáveis por 2.555 animais. “Daqui a 10 dias, os primeiros tutores selecionados serão chamados para a palestra. A previsão é que as primeiras cirurgias sejam feitas no começo de fevereiro”, adiantou a Prefeitura por meio de nota.

Já os animais resgatados em situação de maus-tratos ou feridos foram 12, sendo um gato e 11 cães.

O programa ARCA vai oferecer a castração de cães e gatos a moradores do município. A prioridade de atendimento será para tutores cadastrados no Cadúnico, ONGs de proteção a cães e gatos e protetores independentes e o serviço já pode ser solicitado clicando aqui.

Para ter acesso ao serviço, é preciso fazer agendamento via internet, pelo endereço programaarca.serra.es.gov.br, ou pelo telefone (27) 3291-2399. Após a realização do cadastro, será feita a seleção dos tutores, de acordo com os critérios de prioridade do programa e em seguida o encaminhamento para a clínica que irá realizar o tratamento.

Antes de levar os animais para a clínica, os tutores contemplados com a castração de seus animais deverão participar de uma palestra com a equipe da Secretaria de Meio Ambiente, na qual serão abordados os conceitos da guarda responsável e dadas orientações sobre os cuidados necessários antes e após a cirurgia de castração.

Além da castração, será prestado atendimento a animais sem tutores que forem encontrados com ferimentos graves devido a atropelamentos ou outras formas de maus tratos. Este serviço poderá ser solicitado pelo WhatsApp, das 8 às 18 horas, por meio do número (27) 98166-0447 e após resgatados e tratados dos ferimentos, os animais serão castrados e colocados para adoção.

Para o resgate, que vai funcionar de segunda a sexta, nos fins de semana e feriados, a orientação é que o solicitante envie fotos ou vídeos do animal, para avaliação do quadro, assim como a localização detalhada.

Nas duas situações, os cães ou gatos serão vermifugados, vacinados e receberão um microchip no qual estarão as informações do animal e dados relativos ao tutor. O uso do microchip vai ajudar na garantia do bem estar dos animais após receberem os cuidados do programa Arca, pois será possível identificar e responsabilizar os tutores caso os animais passem por situações de maus tratos ou abandono.

A Prefeitura está investindo R$ 2,4 milhões na iniciativa. Os serviços médicos e de recolhimento dos animais serão realizados por uma clínica terceirizada, localizada no bairro Belvedere, que também ficará responsável por abrigar os cães e gatos sem tutores até que eles sejam adotados.

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!