• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 50.377 casos
  • 956 mortes
  • 48.328 curados
28.4 C
Serra
terça-feira, 13 abril - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 50.377 casos
  • 956 mortes
  • 48.328 curados
Processo de impeachment

Contarato diz que tirar Governo Bolsonaro do poder ‘é um ato de legítima defesa’

Leia também

Prefeitura da Serra volta a fechar acesso à Rotatória do Ó para obra de duplicação

Na manhã dessa terça-feira (13) motoristas que seguiam pela Avenida Paulo Pereira Gomes sentido Laranjeiras, voltaram a ter que...

Cesan deixa esgoto vazando em frente a comércios e residências em bairro da Serra

Um vazamento de esgoto está deixando moradores e comerciantes de bairro da Serra em uma situação complicada e fedorenta....

Após paralisação dos rodoviários, ônibus do Transcol ficam superlotados na Serra

Logo após causar transtornos na vida de milhares de capixabas, a paralisação promovida por rodoviários do sistema Transcol deixaram...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A declaração foi dada após as desastrosas e fracassadas ações do governo federal no combate ao coronavírus. Foto: Pedro França | Senado Federal 

O senador capixaba, Fabiano Contarato (Rede), subiu o tom, mais uma vez, contra o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (sem partido), e voltou a defender um processo de impeachment para retirá-lo do cargo. O parlamentar disse que a retirada do atual governo do poder “é um ato de legítima defesa”. A declaração foi dada após as desastrosas e fracassadas ações do governo federal no combate ao coronavírus, principalmente, na vacinação da população, que está  a ‘passos de tartaruga’ no país.

Contarato também afirmou que Bolsonaro será considerado o coveiro do Plano Real, com a ressurreição da inflação. “Esse presidente se porta como um militante pró-morte, com sua política, deliberadamente, omissa. Tudo indica que esse governo será considerado o coveiro do Plano Real, com a ressurreição da inflação. Ele vai ressuscitar a inflação e os brasileiros foram lançados à própria sorte”, disse o senador.

A fala do senador capixaba foi feita durante discurso no Senado Federal e ganhou repercussão nacional. Ele ainda disse que o Brasil está “num naufrágio e sem botes”.

Essa não é a primeira vez que Contarato defende o impeachment de Bolsonaro. Conforme informado pelo TEMPO NOVO no dia 18 de janeiro, ele já havia chamado o chefe do Executivo nacional de “dublê de presidente” e disse acreditar que a interrupção da gestão de Bolsonaro é a única opção para não “afundar” o Brasil. A fala do senador foi publicada em sua conta oficial do Twitter.

Governo Federal e a pandemia de coronavírus 

Desde o início da pandemia, o governo federal tem sido alvo de duras críticas relacionadas ao combate à Covid-19. O presidente Jair Bolsonaro, por exemplo, demitiu dois ministros – que eram favoráveis as medidas sanitárias mundiais de controle do coronavírus – e sempre se manteve na posição contrária: causando aglomerações, negando o uso de máscaras e incentivando o uso de medicamentos sem eficácia para tratamento precoce, o que  não existe.

Fabiano Contarato sempre se mostrou contrário ao governo federal e já vinha realizando duras críticas a Bolsonaro e seus ministros.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!