25.4 C
Serra
terça-feira, 14 de julho de 2020

Casagrande pede que Bolsonaro proíba viagens interestaduais

Leia também

Obra de urbanização da orla de Bicanga deve ser entregue em outubro, diz Prefeitura

As obras de urbanização da orla de Bicanga devem ser entregues em outubro, segundo a Prefeitura da Serra. O...

Pastor de igreja da Serra morre por causa da Covid-19

Uma das duas vítimas da Serra que perderam a batalha contra o coronavírus na última segunda-feira (13) foi o...

Em meio à pandemia, passageiros são obrigados a enfrentar ônibus superlotados na Grande Vitória

Evitar aglomerações, principalmente em ambiente fechados, é uma das principais recomendações das autoridades para frear a proliferação do coronavírus....
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

O governador Renato Casagrande durante a videoconferência. Foto: Divulgação

Em reunião, por meio de videoconferência, com os governadores que fazem parte do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), o governador Renato Casagrande (PSB)  solicitou ao Governo federal que proíbe viagens interestaduais. A medida, segundo o socialista, pode aumentar o isolamento. “Pedimos ainda que as pessoas com passagens já compradas possam ser indenizadas e que seja estabelecido um prazo para troca”, apontou.

Os chefes dos Executivos estaduais alinharam as ações e estratégias no combate ao novo Coronavírus (Covid-19). A reunião teve a participação do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, a quem Casagrande fez o pedido.

O governador capixaba explicou que a interlocução dos governadores com o Ministério permitiu a realização de ajustes nos decretos publicados com medidas para combater a disseminação do vírus.

“Fizemos o ajuste que permitiu que borracharias e restaurantes às margens das rodovias federais possam abrir e dar suporte ao transporte de carga. Pedimos ao ministro Tarcísio que encerre o transporte interestadual de pessoas”, frisou.

Durante a reunião, o governador capixaba sugeriu ainda que os colegas aguardem o anúncio da União com as medidas voltadas para os Estados. “Acredito que a melhor situação é aguardar a apresentação do pacote do Governo Federal, que será anunciado agora à tarde para que possamos, de forma oficial, estabelecer uma posição dos governadores do Sul e do Sudeste”, disse Casagrande.

Participaram da reunião, os governadores João Dória (São Paulo); Wilson Witzel (Rio de Janeiro); Romeu Zema (Minas Gerais); Carlos Moisés (Santa Catarina); Ratinho Junior (Paraná); e Eduardo Leite (Rio Grande do Sul). Pelo Governo do Espírito Santo, também participaram os secretários de Estado, Tyago Hoffmann (Governo); Rogelio Pegoretti (Fazenda) e Fábio Damasceno (Mobilidade e Infraestrutura).

Nesta terça-feira (24) será realizada a reunião ordinária do Fórum dos Governadores, também por meio de videoconferência.

Comentários

Mais notícias

Pastor de igreja da Serra morre por causa da Covid-19

Uma das duas vítimas da Serra que perderam a batalha contra o coronavírus na última segunda-feira (13) foi o pastor Derly da Silva. O...

Em meio à pandemia, passageiros são obrigados a enfrentar ônibus superlotados na Grande Vitória

Evitar aglomerações, principalmente em ambiente fechados, é uma das principais recomendações das autoridades para frear a proliferação do coronavírus. Mas para o trabalhador que...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!