25.1 C
Serra
terça-feira, 22 de setembro de 2020

Câmara vai investigar rompimento de barragem na Serra Sede

Leia também

Após forte chuva, bairros da Serra ficam sem energia

Após a chegada das chuvas intensas que estavam previstas para esta terça-feira (22), as comunidades de Valparaíso e Serra...

CPF do estudante passa a ser obrigatório para matrícula na rede pública de ensino

A Secretaria da Educação (Sedu) passou a estabelecer, a obrigatoriedade de registro do número do Cadastro Nacional de Pessoas...

Polícia prende criminosos com metralhadora e drogas na Serra

A noite da última segunda-feira (21) terminou com apreensão de drogas, metralhadoras e prisão de criminosos na Serra. Tudo...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

A represa fica na região de Serra Sede. Foto: Divulgação

Com nove assinaturas, a Câmara da Serra deu início a uma Comissão Processante para analisar e investigar possíveis prejuízos decorrentes dos alagamentos nos bairros Vista da Serra I, Vista da Serra II e Planalto Serrano, após o rompimento da barragem situada em uma fazenda de propriedade de João Falqueto.

A denúncia do presidente da Associação de Moradores de Vista da Serra I, Fabiano Esmael, fundamentou a comissão, que tem prazo de 60 dias para concluir os trabalhos.

Assinaram o documento os vereadores Adilson de Novo Porto Canoa (PSL), Aecio Leite (PT), Adriano Galinhão (PHS), Basílio da Saúde (sem partido), Cleusa Paixão (PMN), Geraldinho PC (PDT), Fabão da Habitação (PSD), Rodrigo Caldeira (Rede) e Pastor Ailton (PSC).

Uma cópia do relatório da comissão será entregue ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas do Espírito Santo.

Entenda:

No último dia 22, em decorrência das fortes chuvas na Serra, a represa de propriedade de João Falqueto se rompeu e elevou o volume de água nos bairros mencionados. Na ocasião, Falqueto disse que não poderia ser responsabilizado por um fenômeno da natureza.

 

Comentários

Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

Mais notícias

CPF do estudante passa a ser obrigatório para matrícula na rede pública de ensino

A Secretaria da Educação (Sedu) passou a estabelecer, a obrigatoriedade de registro do número do Cadastro Nacional de Pessoas Físicas (CPF) do estudante, junto...

Polícia prende criminosos com metralhadora e drogas na Serra

A noite da última segunda-feira (21) terminou com apreensão de drogas, metralhadoras e prisão de criminosos na Serra. Tudo começou quando policiais militares do...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!