26 C
Serra
terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Câmara de Laranja da Terra se torna referência em economia e modernidade

Leia também

Câmara aprova contas de 2013 do prefeito Audifax Barcelos

Em uma sessão rápida, com pouco mais de 24 minutos, e sem discursos, a Câmara da Serra aprovou durante...

Opinião do leitor | Comentários à nova Lei de Abuso de Autoridade

A lei nº 13.869 de 2019, nova lei de abuso de autoridade, que entrou em vigor em 3 de...

Com investimento de R$ 18 milhões, Atacado Vem será inaugurado nesta terça

A partir desta terça-feira (18), a Serra contará com mais um 'atacarejo'. As margens da BR-101 e com um...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

O vereador Gilson Gomes Filho está em seu primeiro mandato. Foto: Divulgação

Enquanto câmaras municipais em todo o Estado estão na mira da sociedade em função dos gastos excessivos com diárias para vereadores, a de Laranja da Terra registrou nos anos de 2017 e 2018 custo zero. Uma determinação do ex-presidente da Casa, vereador Gilson Gomes Filho (sem partido), proibiu o beneficio aos parlamentares na cidade. 

 
“O valor é definido pelos próprios órgãos e muitas vezes há abusos e transtornos. Este recurso é oferecido para assessores, servidores, agentes públicos e outros. Tem uma determinação nossa proibindo pagamento de diárias, acatada por todos”, disse o vereador Gilson Gomes Filho.
 
Ao contrário da Câmara de Laranja da Terra, que não registrou nenhum gasto com diária entre os anos de 2017 e 2018, a Câmara de Jaguaré ficou em primeiro lugar no ranking. Ela vem seguida pela de Linhares e a de Itapemirim. 
 
Outro tema que mereceu destaque na mídia durante a gestão do ex-presidente Gilson Gomes Filho foi a redução nos custos com pessoal. Quando ele assumiu a Presidência, em 2017, a Casa utilizava 69.9% do duodécimo para o pagamento dos servidores. Esse percentual é um alerta para gestores, pois a Constituição da República considera que é crime de responsabilidade o Presidente do Legislativo atingir 70% com gasto de pessoal.
 
“A Câmara de Laranja da Terra revolucionou a partir de 2017. Quando assumi, havia comprometimento da folha, cada vereador devolvia R$ 500 para contribuir com a folha de pagamento inchada. Otimizamos os gastos da Câmara e fechamos com folga os anos. Em uma cidade como Laranja da Terra, com população que precisa dos serviços públicos, o poder público reduzindo as despesas internas, consegue reverter para a sociedade. Em dois anos de gestão, foram mais R$ 350 mil devolvidos para a Prefeitura da cidade, para benefício da sociedade. Não fiz milagre, foi um trabalho de equipe, da Mesa, dos Vereadores e servidores”, explicou o vereador.
 
O parlamentar também agradeceu aos colegas e à equipe de trabalho da Casa. “Agradeço pelo empenho de servidores e vereadores. Sozinho não é possível fazer nada, são ações conjuntas, fizemos uma gestão democrática e participativa. Isso não me deu fama, mas credibilidade. Estou sendo chamado por vereadores para orientação sobre gestão e para apresentar projetos de lei de minha iniciativa, o que me tem honrado muito”, acrescentou Gilson Gomes.
 
Questionado pela reportagem sobre como uma câmara pequena pode dar exemplos para o ES e para o Brasil, Gilson Gomes explicou. “Fizemos muitas coisas nestes dois anos, a Câmara é moderna, equipada, e possui hoje a primeira biblioteca da cidade. Soubemos ser carinhosos com a coisa pública. Oferecemos por dois anos seguidos o maior abono do Estado, de R$ 2,500; tíquete-alimentação, uma demanda dos servidores há 28 anos. Também criamos o programa de estágio na Câmara e não interrompemos as atividades durante os jogos da Copa, além de proibir o pagamento de 13º salário e férias para Vereadores”, finalizou.
 
 
 
 
Comentários

Mais notícias

Opinião do leitor | Comentários à nova Lei de Abuso de Autoridade

A lei nº 13.869 de 2019, nova lei de abuso de autoridade, que entrou em vigor em 3 de janeiro de 2020, trouxe ao...

Com investimento de R$ 18 milhões, Atacado Vem será inaugurado nesta terça

A partir desta terça-feira (18), a Serra contará com mais um 'atacarejo'. As margens da BR-101 e com um investimento de R$ 18 milhões,...

Frequentadora reclama de sujeira e falta de manutenção no Horto Municipal

Frequentadora do Horto Municipal, na Serra Sede reclama que o local de lazer está abandonado. Segundo a mulher que não quis se identificar, o local,...

Moradores da Serra vão ficar sem água nesta quarta

Por conta de obras que serão realizadas pela Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan), alguns bairros da Serra ficarão sem água durante a próxima...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem