Câmara da Serra contrata empresa para serviço de passagens aéreas para vereadores | Portal Tempo Novo

Serra, 17 de dezembro de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Política

Serra, 25 de julho de 2018 às 13:57

Câmara da Serra contrata empresa para serviço de passagens aéreas para vereadores


A direção da Câmara da Serra deu início às licitações para a contratação dos serviços que estão temporariamente suspensos. Foto: Divulgação

Após anunciar que herdou uma dívida de R$ 700 mil e que precisou encerrar alguns contratos que considerou superfaturados, a direção da Câmara da Serra deu início às licitações para a contratação dos serviços que estão temporariamente suspensos.

Um desses serviços é o de passagens aéreas para os vereadores. Com o fim do contrato anterior, a Câmara firmou parceria com a AZ Turismo e Viagens LTDA. Segundo informações do Diário Oficial, o contrato tem como objeto o serviço de “passagens aéreas de todas as companhias de transporte aéreo, incluindo reserva, emissão, transferência, marcação/remarcação e reembolso de bilhetes de passagens aéreas nacionais, visando atender às necessidades de transporte de servidores”.

Segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Caldeira (Rede), o contrato para a oferta de passagens venceu, e a Câmara precisou realizar licitação para contratar nova empresa. 

“É um contrato que existia. Estamos sem contrato, venceu o contrato. São as viagens que os vereadores fazem até Brasília para buscar emendas. Estávamos sem contrato, apesar de que estamos sem dinheiro, pegamos aqui com 700 mil de dívida e estou tendo que reduzir tudo para não chegar lá na frente zerado. Não assinei nenhum contrato, encerrei alguns contratos de suprimentos, como açúcar, café, que achei que estavam superfaturados. Daí deu uma diminuída boa. Desde que assumi não liberei nenhuma passagem, mas no caso de emergência temos que ter [o contrato]”, explicou Caldeira.

“Esse ano não tem recurso nem pra ir a Brasília, pela dívida que herdamos. Se algum vereador precisar ir a Brasília em busca de emenda ou algo nesse sentido nós não temos dinheiro. Tenho que economizar R$ 700 mil, e o duodécimo (2019) caiu de R$ 34 para R$ 32, de 5% para 4.5%, devido ao quantitativo de habitantes, passou de meio milhão, caiu o duodécimo. Meu projeto para o ano que vem é conforme os contratos forem vencendo reduzir ainda mais”, acrescentou. 

Ainda segundo Caldeira, no caso de uma câmara é obrigatório ter uma empresa contratada para o serviço de passagens, para o caso de algum vereador precisar viajar.




O que você acha ?

Você concorda com a saída de Cuba do Mais Médicos?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por