22.9 C
Serra
terça-feira, 02 de junho de 2020

Vandinho diz que redução na conta da EDP é “enrolation” e vai no MP contra ‘abusos”

Leia também

Assaltos a mão armada em Chácara Parreiral assusta moradores

  Moradores de Chácara Parreiral reclamam da quantidade de assaltos que tem acontecido no bairro. Segundo eles, roubos e assaltos a...

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

Vandinho sabatinou o presidente da EdP durante audiência na Assembleia. Foto: Lissa de Paula

A EDP anunciou na última terça-feira (07) uma redução de 6,66% em média na conta de luz do capixaba. Crítico da empresa, o deputado Vandinho Leite (PSDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã desta quarta-feira (08) para refutar o anuncio da redução, classificando-o como “enrolation” e ainda afirmou que vai ao Ministério Público para denunciar “abusos” nas cobranças feitas pela EDP.

A previsão de redução na conta vai valer a partir de agosto e é em decorrência da atualização de cálculos feito pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que a cada três anos faz uma reavaliação tarifária.

Segundo Vandinho a EDP estaria tentando diminuir a pressão por conta dos recorrentes aumentos nas contas de luz.

“Já denunciei aqui problemas no sistema BT0 que é um sistema adotado pelo EDP de telemedição e que aumentou em muito a conta de energia; já denunciei a cobrança por média das tarifas que EDP faz; já denunciei as cobranças abusivas que a empresa faz quando comparadas com contas do mesmo período do ano passado; é um conjunto enorme de irregularidades, e agora a empresa tenta diminui a pressão sobre ela com esse ‘enrolation”, disparou o parlamentar.

Ele afirma que irá ao Ministério Público para denunciar o que ele classificou como abusos da empresa. “A sociedade tem sofrido muito e isso não atende a população, precisamos de respostas mais concretas. Cá entre nós, um desconto “enrolation” para tentar enganar o capixaba mais uma vez. Apesar dessa pequena vitória, irei dar entrada hoje no MP, contra todos os absurdos cometidos pela EDP que venho denunciando há mais de 2 meses”.

Em conversa passada com a reportagem o deputado já tinha adiantado que deve provocar uma auditoria nas contas da EDP. Inclusive, por meio da Comissão de Defesa do Consumidor, Vandinho convocou o presidente da empresa para prestar esclarecimentos aos deputados sobre as reclamações de aumento da conta de luz.

A EDP foi provocada para rebater as acusações do parlamentar e disse que a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) é o órgão responsável pelo cálculo dos índices de reajustes das distribuidoras de energia elétrica, sendo ainda quem regulamenta e fiscaliza o setor elétrico. Disse ainda que a Revisão Tarifária da EDP ES ocorre a cada 3 anos e nos anos subsequentes, ocorrem os Reajustes Tarifários. A ANEEL calculou uma redução média de 6,66% para as tarifas a serem praticadas pela EDP Espírito Santo a partir de 7 de agosto de 2019

A concessionária ainda ressaltou que “se trata de um índice preliminar, uma vez que o período tarifário ocorre de agosto/18 até julho/19, portanto, ainda serão incluídas informações dos meses de maio, junho e julho de 2019, podendo sofrer alteração desse índice”, disse na nota. A EDP finalizou a nota dizendo que a tarifa definitiva será determinada pela ANEEL no início de agosto/19 e entrará em vigor a partir do dia 7 do mesmo mês. “A EDP reforça a informação de que a ANEEL é responsável por calcular as tarifas de energia de todas as concessionárias de distribuição de energia elétrica do País”. 

Comentários

Mais notícias

Visitas seguem suspensas nas unidades prisionais no mês de junho

A Secretaria da Justiça (Sejus) decidiu manter a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado durante o mês de junho. A...

Mais de 1.300 moradores da Serra já se curaram da Covid-19

A Serra é a cidade que mais tem casos confirmados da Covid-19 e também lidera o número de mortes no Espírito Santo. Até a...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!