25.7 C
Serra
terça-feira, 30 novembro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Sino de 221 anos com valor histórico inestimável é furtado por bandidos em igreja da Serra

Leia também

Direitos Humanos | Serra vai ter mutirão para retificação de gênero e de nomes de pessoas trans

No dia 10 de dezembro se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos.  E na Serra vai ter uma...

Prefeitura vai reforçar iluminação em bairros da Serra com extensões de rede

A Prefeitura da Serra, através da Secretaria de Serviços (Sese), anunciou que sete bairros da Serra vão ganhar reforço...

ES terá audiências públicas para mostrar diagnóstico de ações para reduzir riscos de inundações

Ao longo dos meses de dezembro deste ano e janeiro de 2022, o Governo do Estado, discutirá a macrodrenagem...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O sino foi fabricado em Portugal por volta de 1800 e foi uma doação de um morador de Manguinhos para igreja. Foto: Divulgação

A bandidagem não dá trégua para ninguém na Serra, nem mesmo para templos religiosos. Na madrugada desta segunda-feira (18), bandidos furtaram o sino da Igreja de Sant’Anna, em Manguinhos.

O objeto tem valor histórico inestimável para a comunidade que pede ajuda para encontrar o artefato. Líder da comunidade, Guilherme Lima desconfia que por conta do material do sino, que é de cobre, deve ter sido furtado para ser vendido e por isso pede ajuda. “Quem roubou pode tentar vender em sites de vendas como OLX ou até mesmo tentar vender em ferro velho. Pedimos que se alguém tiver alguma notícia nos avise, queremos reaver este sino”.

Guilherme contou ao Tempo Novo que o sino é de cobre e veio de um antiquário de Minas Gerais. “O Lino trouxe especialmente para a igreja de Manguinhos, conforme desejo de sua esposa”.

Para ajudar a identificar o sino, Guilherme disse que no objeto está escrito o nome de um santo e a data de fabricação dele, que foi em Portugal por volta do ano 1.800.

Sino da Igreja de Sant’Anna, em Manguinhos. Foto: Arquivo TN

Quem tiver informações sobre o sino pode entrar em contato com Guilherme pelo telefone 27 99502-5026.

“O sino da Igreja de Sant’Ana em Manguinhos foi furtado.  Trata-se de um sino de grande valor histórico e sentimental, e desejamos recuperá-lo.  Caso saibam de algum sino que esteja sendo vendido pela Internet, OLX ou em ferro velho nos avise o mais breve possível. Contamos com a sua ajuda”, disse Guilherme.

De acordo com Guilherme, o sino foi doado por um senhor, conhecido como Lino que mora em Manguinhos próximo a igreja de Sant’Anna. “O sino antigo estava quebrado e foi substituído algum tempo atrás.  Esse sino tem todo o valor sentimental acima de tudo, era um desejo da esposa dele doar esse sino pra igreja e ela ficou muito feliz em vê-lo lá”.

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!