24 C
Serra
sexta-feira, 10 de julho de 2020

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

Leia também

Estado soma 467 casos de Covid-10 em instituições de idosos

Dados do último levantamento feito pelo Centro de Apoio Cível e Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do...

Articulação de Amaro traz R$ 1.5 milhão extra para enfrentar coronavírus na Serra

O combate à pandemia do novo coronavírus nos municípios capixabas vai receber reforço com o envio de recursos extras...

CPI resgata cavalo a beira da morte em Cariacica

O resgate aconteceu na quarta-feira (8). Foto: Divulgação Na noite da última quarta-feira, dia 8, a CPI dos Maus-Tratos Contra...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Vitor Silvares é o Procurado Geral da Serra. Foto: Divulgação

Em decisão inédita, a Prefeitura da Serra garantiu, após consulta ao Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES), a liberação de 30% do valor arrecadado da Contribuição para Custeio da Iluminação Pública (Cosip), conhecida como taxa de iluminação pública, para utilizar no combate ao novo coronavírus, além de investir em obras públicas e pagamentos de precatórios. O recurso, utilizado por meio da Desvinculação de Receitas Municipais (DRM), está respaldado na Emenda 93 da Constituição Federal.

Os outros 70% da Cosip devem continuar sendo utilizados exclusivamente no serviço de iluminação pública. O procurador-geral do município, Vitor Silvares, explicou que a decisão favorável ao município é inédita no Brasil.

“Recebemos a decisão favorável do Tribunal de Contas do Espírito Santo, e também do Ministério Público de Contas. Essa liberação arrecadada a título de Cosip na DRM é inédita e, com isso, a Serra se torna o primeiro município do Brasil a conseguir a desvinculação da receita da Cosip para o investimento em obras públicas, no combate ao novo coronavírus e no pagamento de precatórios”, disse o procurador-geral, acrescentando ainda que esta não é uma decisão que beneficia apenas a Serra, mas todos os municípios do Estado que possuem fundos da Cosip.

Para o prefeito da Serra, Audifax Barcelos, essa é mais uma conquista diante da grave crise que os municípios, o país e mundo estão vivendo por conta do novo coronavírus.

“Com a queda brutal de receita, essa é mais uma forma de recompor o caixa e dar o alívio necessário para que o município consiga arcar com seus compromissos. Com esse valor, vamos investir ainda mais no combate à covid-19 no município, vamos manter as nossas obras públicas e utilizar os recursos também no pagamento de precatórios”, disse.

Entenda o que é a Cosip
Mais conhecida como taxa de iluminação pública, a Cosip é uma contribuição prevista em Lei por meio da Constituição Federal, cuja finalidade é arrecadar fundos para pagamento do consumo de energia na iluminação das vias públicas, e manutenção e ampliação da rede de iluminação.

Sua cobrança é feita de forma proporcional ao consumo de energia. Atualmente, além da isenção para alguns grupos, as alíquotas variam de 1,82% a 20,22% para as classes residenciais.

Comentários

Mais notícias

Articulação de Amaro traz R$ 1.5 milhão extra para enfrentar coronavírus na Serra

O combate à pandemia do novo coronavírus nos municípios capixabas vai receber reforço com o envio de recursos extras de R$ 9 milhões para...

CPI resgata cavalo a beira da morte em Cariacica

O resgate aconteceu na quarta-feira (8). Foto: Divulgação Na noite da última quarta-feira, dia 8, a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais da Assembleia Legislativa,...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!