25.8 C
Serra
sexta-feira, 03 de abril de 2020

Rodoviários vão protestar contra ônibus sem cobrador nesta quarta, diz Sindicato

Leia também

Serra tem 23 casos confirmados de coronavírus, diz Secretaria da Saúde

A Serra registrou mais um caso confirmado do novo coronavírus. De acordo com a última atualização publicada pela Secretaria...

Casagrande anuncia que comércio vai ficar fechado até 12 de abril

Os comércios classificados como não essenciais vão continuar de portas fechadas até o próximo dia 12 de abril. Durante...

Materiais de construção, serviços automotivos e lojas de chocolate poderão funcionar

A partir desta segunda-feira (6), estarão liberados para funcionar as lojas de material de construção e serviços automotivos no...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Manifestação deve acontecer em Vitória. Foto: Gabriel Almeida

Por conta da implantação dos novos coletivos com ar-condicionado e sem cobradores, o Sindicato dos Rodoviários está prometendo uma manifestação para esta quarta-feira (3). No último dia 26, o Governo do Estado apresentou como será os novos ônibus e a retirada da cabine dos cobradores causou polêmica nas redes sociais.

Logo após a entrega de 20 novos veículos, o Sindirodoviários já tinha prometido uma greve contra a mudança, o que até agora não se concretizou. No dia 27 de junho, o sindicato publicou no seu perfil oficial do Facebook, uma nota onde afirma que serão quatro mil pessoas desempregadas e por isso o sindicato “lutará com todas as suas forças, inclusive com greve geral no sistema de transporte da Grande Vitória”. No entanto, na nota, não foi colocada uma previsão de quando essa greve iria acontecer. 

Agora, no início da noite desta terça-feira (2), o Sindirodoviários fez uma nova publicação em sua rede social onde afirma que amanhã (3), será realizada uma manifestação contra os ônibus sem cobradores. Vale lembrar que na última segunda-feira (1), já tinha ocorrido um ato do sindicato com a mesma pauta.

|Leia também: Novos ônibus do Transcol não terão cobradores e rodoviários prometem paralisação

Na publicação, o Sindirodoviários convoca rodoviários e moradores para participarem do ato. A manifestação vai acontecer na Avenida Vitória, em frente a D&D, em Vitória. O ato deve ter início às 15h. 

O TEMPO NOVO tentou contato com o presidente do Sindirodoviários, José Carlos Salles, para saber se a circulação dos ônibus será afetada, mas ele não atendeu as ligações. 

Novos ônibus

Os coletivos com ar-condicionado que foram lançados no mês passado não terão a cabine para os cobradores. Com isso, somente passageiros que tiverem o cartão de bilhetagem eletrônica poderão utilizar os novos ônibus, já que não será permitido o pagamento da tarifa em dinheiro.

No dia 26 de junho, o governador Renato Casagrande, juntamente com o secretário de Estado dos Transportes e Obras Públicas, Fábio Damasceno, e o diretor-presidente da Ceturb-ES, Raphael Trés, apresentaram os novos coletivos e entregaram 20 ônibus que serão colocados em circulação na próxima semana. A previsão é que até o final do ano seja 100 ônibus com ar-condicionado.

Os coletivos iniciais irão operar nas linhas troncais – que fazem a viagem de terminal a terminal – e a meta é que até 2022 sejam 600 ônibus com ar-condicionado. O Governo do Estado ainda não divulgou quais a linhas serão contempladas com a novidade.

|Leia também: Sindirodoviários ameaça greve nos ônibus do Transcol

Os ônibus com ar-condicionado, assim como a implantação de wi-fi nos coletivos, faz parte do pacote de medidas que Casagrande prometeu no início do ano como a “recuperação do sistema” Transcol, que é alvo de muitas reclamações por parte dos capixabas que precisam utilizar o transporte público para se locomoverem: calor, insegurança e superlotação são algumas das queixas dos usuários.

Governo diz que mudança trará mais segurança para os coletivos

A reportagem também acionou a Secretaria dos Transportes e Obras Públicas que informou por meio de nota que a cobrança exclusivamente por meio do Bilhete Único (cartão) visa trazer mais agilidade no embarque e mais segurança, já que retira o dinheiro do ônibus, além da possibilidade de integração. “Em razão da implantação do Bilhete Único, haverá maior oferta de emprego no Sistema. Isso vai permitir que os profissionais que atuam como cobradores atualmente dentro coletivos passem a exercer novas funções, até mesmo fora dos coletivos”, disse na nota.

A secretaria ainda informou que as empresas operadoras vão incentivar os funcionários para que participem de cursos de requalificação, por meio de parcerias com o Sest Senat, para aprimoramento profissional e aperfeiçoamento para novas atividades como motorista, mecânico, eletricista, entre outros.

Comentários

Mais notícias

Casagrande anuncia que comércio vai ficar fechado até 12 de abril

Os comércios classificados como não essenciais vão continuar de portas fechadas até o próximo dia 12 de abril. Durante uma coletiva de imprensa realizada...

Materiais de construção, serviços automotivos e lojas de chocolate poderão funcionar

A partir desta segunda-feira (6), estarão liberados para funcionar as lojas de material de construção e serviços automotivos no horário das 10 às 16...

ES registra segunda morte por coronavírus, diz Casagrande

O Espírito Santo registrou a segunda morte causada pelo novo coronavírus. A informação foi dada pelo governador Renato Casagrande (PSB) durante uma coletiva de...

Covid-19 | Espírito Santo vai receber mais de 9 mil testes rápidos

O Ministério da Saúde iniciou, na quarta-feira (1º), a distribuição dos 500 mil testes rápidos para diagnóstico de coronavírus (Covid-19) no país. Os testes...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem