Refinaria de R$ 2,4 bi em Aracruz pode gerar negócios na Serra | Portal Tempo Novo

Serra, 27 de junho de 2019

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Economia

Serra, 30 de maio de 2019 às 10:39

Refinaria de R$ 2,4 bi em Aracruz pode gerar negócios na Serra


Um dos atrativos para a instalação da nova refinaria é a proximidade do porto da Transpetro, em Barra do Riacho. Foto: Divulgação/Transpetro

Na próxima quarta-feira (5) será assinada uma carta de intenção para a instalação da primeira refinaria de petróleo em solo capixaba, que ficará na Barra do Say, em Aracruz. A solenidade é para selar o acordo entre prefeitura de Aracruz e empresa Noxis Energy, na cessão de uma área de 300 mil m² para a instalação da refinaria. Apesar de ser em Aracruz, o empreendimento deve ter impacto positivo na economia da Serra, uma vez que na cidade há cadeia de fornecedores e prestadores de serviço que podem atender a refinaria tanto na fase da construção, quanto na operação.

O investimento na refinaria é da ordem de R$ 2,4 bilhões (US$ 600 milhões) e serão gerados 1.000 empregos durante os três anos de obra. Após o início das operações da refinaria, serão 120 empregos diretos e 500 indiretos. As informações são do consultor da Noxis Energy e engenheiro mecânico, José Afonso Nóbrega Waescher, que detalhou como será o empreendimento.

“Vamos produzir cerca de R$25 mil barris/dia. Da produção, 50% será de bunker (combustível de navegação), 30% de gasolina e 20% de óleo diesel S10, todos com baixo teor de enxofre. Nossa tecnologia de produção é da França e o equipamento japonês”, explica.

A escolha do local foi estratégica. “Estamos negociando com a Petrobras e o Governo do Estado para utilizarmos o posto da Transpetro, temos a ferrovia (derivação da Vitória Minas que liga ao Portocel), pretendemos usar o petróleo cru extraído no próprio Espírito Santo e vender para parte de Minas Gerais, via ferrovia; sul da Bahia e o ES”, aponta.

Questionado sobre a mão de obra que será contratada, ele frisou que será priorizada a local. “Teremos parcerias para capacitação da mão de obra, sempre em busca de gerar emprego local”, diz.

O prefeito de Aracruz, Jones Cavalieri, diz que a vinda da refinaria vai beneficiar o município e todo estado. “Ainda é um embrião, mas tanto a empresa quanto a prefeitura tem interesse em tocar o projeto. No dia 5 ele será apresentado à comunidade e assinaremos a carta de intenção. Um investimento deste porte atrai outros, gera emprego e renda, o que é muito saudável, especialmente nesse momento de crise”, pontua.

E a Serra também vai ganhar com isso, pois é o município industrializado mais próximo à cidade que sediará o empreendimento. Além de ter muitas empresas ligadas à cadeia produtiva do petróleo.

Segundo o consultor da Nóxis, Nóbrega, já há conversas com possíveis parceiros serranos.

“Já tem empresas da Serra interessadas em implantar empreendimentos, prestar serviços de logística e comprar produtos da refinaria. A refinaria vai gerar negócios no entorno. E a obra será feita por empresa que vencer a licitação”, aponta.

 

A solenidade da assinatura da carta de intenção será na quarta-feira ,1° de junho, no auditório da Câmara Municipal de Vereadores em Aracruz, a partir das 16h, e contará com a presença de empresários da Noxis e lideranças políticas de Aracruz e do governo do estado.

 

Empresa serrana ajuda a viabilizar negócio

O projeto inicial da empresa era levar a refinaria para São Mateus. No entanto, a Global Empreendimentos, empresa da Serra, foi convidada a ajudar na escolha a refinaria e identificou que a melhor oportunidade seria em Aracruz.

“Soube dos investimentos da Noxis por meio de dois escritórios de advocacia tributária e empresarial. A empresa precisava de um local que dispusesse de modais de transporte e com empreendimento empresarial de grande porte. Aracruz tem ferrovia, rodovia e porto, além de empresas como Fibria/Suzano, Jurong, Portocel, Imetame. Fizemos as conversas entre empresa e políticos do município e do estado, trazendo a refinaria para Aracruz”, descreve Eci Scardini, representante da Global.

 

 




O que você acha ?

Como você avalia os 6 primeiros meses de Renato Casagrande no Governo do Estado?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por