[secondary_title]

Projeto Batuque Diferente seleciona estudantes de música para residência artística

- PUBLICIDADE-

Promover a interação de um coletivo musical especializado na fusão de jazz e música brasileira com estudantes de percussão: este é o objetivo principal da Residência Artística “Batuque Diferente”.

Idealizada e produzida pelos integrantes do grupo Batida Diferente, a iniciativa vai selecionar três estudantes negros de percussão para participar da gravação de uma composição autoral, com produção e arranjo do professor de percussão Léo de Paula, que irá aplicar uma oficina de ritmos brasileiros e africanos aberta ao público em geral. O projeto foi selecionado pelo Edital 016/2020 – Coletivos Culturais, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult-ES).

As inscrições começam na próxima segunda-feira (06) e vão até 12 de junho, pela plataforma Google Forms clicando aqui, disponibilizada no Instagram do grupo Batida Diferente clicando aqui.

Os candidatos e candidatas deverão inserir seus dados juntamente com um vídeo no YouTube, contendo uma performance musical de livre escolha. Podem se inscrever estudantes de percussão de projetos sociais e instituições públicas que sejam negros e que tenham de 18 a 29 anos.

Para o trompetista do grupo Batida Diferente, Ailton Junior, a Residência Artística “Batuque Diferente” se propõe a valorizar a formação profissional de músicos negros e despertar a habilidade da composição. “Uma palavra que define bem este projeto é conexão. Conexão com pessoas diferentes que compartilham do mesmo objetivo e com histórias parecidas e de gerações diferentes”, explica o músico. “A ideia é fazer a junção desses três jovens que irão participar, juntamente com o Léo de Paula e o Batida Diferente, da gravação de uma música inédita, um samba de minha autoria intitulado ‘Pro Rafa’”, conta o trompetista.

Após o período de inscrições, o material será avaliado por Ailton Junior e pelo percussionista Léo de Paula, que farão a seleção dos três estudantes classificados, de acordo com os critérios de Desempenho Técnico-Musical e Entrevista. O resultado será divulgado no dia 13 de junho pelo Instagram do grupo Batida Diferente. Os passos seguintes serão os ensaios presenciais, entre 14 de junho e 03 de julho, para afinar o entrosamento entre os músicos e os estudantes de percussão, e a gravação da composição em um estúdio na Grande Vitória. O single será divulgado nas redes sociais do grupo Batida Diferente.

Samba

Responsável pelo arranjo e produção, Léo de Paula afirma que a música “Pro Rafa” vai girar em torno das diferentes possibilidades rítmicas proporcionadas pelo samba. “Pretendo provocar os participantes a pensar sobre formas diferentes de tocar o samba, seja aproximando-o dos batuques ancestrais afro-diaspóricos seja dialogando com a estética do partido-alto e das rodas de samba, ou mesmo com as batucadas de carnaval”, explica o professor.

Ao final da Residência Artística, Léo de Paula vai ministrar uma oficina sobre ritmos brasileiros e africanos, aberta ao público em geral, na Estação Conhecimento de Serra, na Serra. Símbolo da identidade cultural brasileira, o samba será novamente o foco principal da atividade. “Irei trabalhar os conceitos, padrões rítmicos e referências teóricas sobre o samba e seus fazeres: do samba de caboclo ao samba-enredo, passando pelo samba-jazz e o partido-alto, visando inspirar os participantes nessa viagem pelo mais representativo dos nossos gêneros musicais”, adianta Léo de Paula.

– PROGRAMAÇÃO DA RESIDÊNCIA ARTÍSTICA “BATUQUE DIFERENTE”:

De 06 a 12 de junho – Inscrições para estudantes de percussão negros, de 18 a 29 anos, interessados em participar do projeto, pela plataforma Google Forms clicando aqui.

Os candidatos e candidatas deverão inscrever seus dados na plataforma e encaminhar um vídeo contendo uma performance musical própria, disponibilizada no YouTube;

13 de junho – Divulgação dos três estudantes negros selecionados, por meio do Instagram clicando aqui.

De 14 de junho a 03 de julho – Ensaios com os músicos selecionados;

De 04 a 10 de julho – Gravação do single;

De 11 a 17 de julho – Oficina de ritmos brasileiros e africanos, ministrada pelo artista convidado Léo de Paula, na Estação Conhecimento de Serra, em Cidade Continental, na Serra. Data e horário serão confirmados em breve.

Agosto – Lançamento do single “Pro Rafa” nas redes sociais do Grupo Batida Diferente.

Projeto selecionado pelo Edital 016/2020 – Coletivos Culturais da Secretaria de Estado da Cultura (Secult-ES).

Chuva forte causa caos na Serra, alaga ruas e interdita BR-101

O tempo mudou e uma super chuva começou a atingir as cidades da Grande Vitória, na noite desta sexta-feira (1º). Na Serra, há diversos...

Dengue avança na Serra e ministra da Saúde estará em Feu Rosa para conscientizar moradores

  A ministra da Saúde, Nisia Trindade, estará na Serra, neste sábado (2), para a ação do Dia D de Mobilização Contra a Dengue. A...

Sábado tem Roda dos Mestres de Capoeira no Parque da Cidade

Pela primeira vez, a Serra vai sediar o Roda dos Mestres de Capoeira/ES. A quinta edição do encontro será neste sábado, 02 de março, no Parque...

Violência contra a mulher será tema de evento no Eliziário Rangel neste sábado

  Neste sábado (2), uma abordagem sobre a violência contra a mulher estará na pauta do Cineclube Rosilda Moreira, situado no Centro Cultural Eliziário Rangel,...

Serra terá ação para prevenção da Hepatite C neste sábado

O Rotary Club Serra Centenário será palco, neste sábado (2) de ações para conscientização para prevenção da Hepatite C. A campanha é global, e...

Feirinha de Colina de Laranjeiras terá música ao vivo na sexta e no sábado

A pracinha de Colina de Laranjeiras, na Serra, tem se tornado ponto de encontro dos moradores do bairro e de comunidades adjacentes para se...

Vale abre novas vagas de emprego exclusivas para mulheres

A Vale está com um novo processo seletivo aberto com vagas preferenciais para mulheres no Espírito Santo e há chances para moradoras da Serra....

Infertilidade pode afetar até 50% das mulheres com endometriose

Este mês é dedicado à campanha do “Março Amarelo”, criada com objetivo de promover a conscientização sobre a endometriose, doença ginecológica crônica que afeta...

Vans escolares causam trânsito intenso em Laranjeiras e motoristas reclamam

Desde o retorno das aulas, os motoristas que circulam pela Avenida Central e pela rua Carlos Gomes, em Laranjeiras, na Serra, enfrentam dificuldades significativas....