Polícia apreende 29 pássaros silvestres na Serra

0
Pássaros apreendidos em Cidade Continental. Foto: Divulgação Polícia Ambiental
Pássaros apreendidos em Cidade Continental. Foto: Divulgação Polícia Ambiental

Vinte e nove pássaros foram apreendidos na Serra na tarde da última segunda-feira (9). As aves da fauna silvestre brasileira estavam sendo mantidas em cativeiro em diversos bairros e não estavam regularizadas, entre elas foi encontrada uma com a anilha adulterada. As informações são da Polícia Ambiental.

No Bairro Cidade Continental, foram apreendidos quinze pássaros; um canário da terra, 13 coleiros e um catatau. Tendo um deles anilha de identificação adulterada. Em Cantinho do Céu, um cidadão entregou voluntariamente dois pássaros, sendo um coleiro e um sanhaço. Em Jardim Tropical, foram aprendidos seis coleiros e dois Canários da Terra e em José de Anchieta foram recolhidos quatro coleiros.

Os pássaros apreendidos foram entregues no Centro de Triagem de Animais Silvestre (CETAS). Por se tratar de crime ambiental manter animais da fauna silvestre brasileira em cativeiro sem a licença do órgão ambiental, a pena prevista para os infratores é a detenção de seis meses a um ano, além de multa.

Falsificar anilhas é crime grave com pena prevista de 2 a 6 anos de prisão, enquanto que a manutenção de pássaros sem licença vária de 6 meses a 1 ano de detenção. Denúncias podem ser encaminhadas pelos telefones 190 ou 181.

Comentários