Poesia, música, congo, capoeira e brincadeiras para crianças em Jacaraípe

0
Poesia, música, congo, capoeira e brincadeiras para crianças em Jacaraípe
O grupo Dogma Mc’s será uma das atrações do Jacaraípe em Artes que acontece neste sábado e domingo. Foto: Divulgação

Neste final de semana vai ter muita arte, esporte, gastronomia e atividades para a criançada em Jacaraípe. A agenda será no sábado (12) e no domingo (13) na Praça Encontro das Águas. A programação para curtir o Jacaraípe em Artes é gratuita.

As atividades iniciam a partir das 9 horas quando na área de lazer acontece recreação infantil com Dionísio até às 12 horas. A  tarde, por volta das 15h, o projeto Semente, vai apresentar um número de dança no local, seguido de Luiz Kaiuk. Às 17h, tem show com Q Pop. O palco segue com música ao vivo com Renato Oliveira.

Às 18h40 é a vez da galera da hip hop mostrar sua cultura na Encontro das Águas com o projeto ‘Tô na rua’ e Mob é Chainz com muito rap, breaking e batalhas entre MC’s.

Se apresentam ainda no palco,  os cantores Roner, Kaik Braga, Alex e A Tribo/Dogma Mc’s. Também participam da noite, os poetas Flávia e Reis.

A programação do sábado (12) na praça termina às 22h e segue no domingo logo cedo, às 9h com show da banda marcial do projeto Pra Ver a Banda Passar. Às 9h30, é a vez da banda de congo da Pestalozzi fazer as honras, seguida da banda de congo mirim da Igreja de São Pedro.

 

Poesia, música, congo, capoeira e brincadeiras para crianças em Jacaraípe
O projeto Tô na Rua vai participar das atividades que serão realizadas na praça. Foto: Fábio Barcelos/Arquivo TN

Na parte da tarde às 15h, tem apresentação de roda de capoeira dos projetos sociais da Apae e Pestalozzi, com os mestres Cascão, Bacurau e Boca Preta.

Às 17h, se exibem o grupo Q Pop logo após a companhia de dança Motumbaxé. A noite, às 19 horas, tem dança do ventre no estilo Asas de Isis com Tania Abdalah. Às 20h, tem show com banda KM (Kryz & Mister) e poesia com Romero Siqueira.

O Jacaraípe em Artes é organizado por moradores, comerciantes, líderes comunitários, ativistas esportivos e culturais da região de Jacaraípe que se uniram e criaram o movimento ‘Eu amo Jacaraípe’ que tem o objetivo de construir uma identidade de amor pelo balneário, além de resgatar as tradições e o turismo local.

 

Comentários