Para sair do aluguel, Prefeitura da Serra vai construir novo prédio ao custo de R$ 19 milhões

0
Para sair do aluguel, Prefeitura da Serra vai construir novo prédio ao custo de R$ 19 milhões
Obra já teve início e vai custar cerca de R$ 19 milhões. Foto: Divulgação

Com um investimento de R$ 19 milhões, a construção de um novo centro administrativo em Serra Sede já teve inicio. O espaço que está sendo construído pela Prefeitura da Serra promete fortalecer o comércio da Sede e vai abrigar diversas secretarias municipais, inclusive a Secretaria de Educação da cidade que atualmente está em um espaço alugado.

Além de secretarias, o edifício que terá quatro pavimentos, vai contar com uma biblioteca, um laboratório de informática, auditório, salas de aula e salas de atendimento aos moradores com diversos serviços. O centro está sendo construído ao lado da escola Aldary Nunes, no antigo espaço onde acontecia a feira.

De acordo com o prefeito, Audifax Barcelos, o novo prédio vai fortalecer a economia as Serra Sede e ampliar o atendimento ao público que precisa dos serviços municipais, já que a demanda está em expansão.

“O novo prédio vai fortalecer a economia da região e faz parte de uma agenda positiva proposta pelos comerciantes locais, atendida pela gestão. Essa nova estrutura vai facilitar o atendimento à população da Serra, que está crescendo a cada dia”, destaca.

Segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura da Serra, já está confirmado que as pastas de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer (Setur), Educação (Sedu), Agricultura, Agroturismo, Aquicultura e Pesa (Seap) e o Centro de Formação de Professores irão funcionar neste novo espaço. A prefeitura, porém, não divulgou a data prevista para término da obra, entretanto, afirma que a Serra Sede está se consolidando como uma região administrativa.

Ainda segundo a assessoria, no momento, está acontecendo a terraplanagem do local e a toda a edificação será acessível a pessoas portadoras de deficiência, com elevadores e banheiros adaptados em todos os pavimentos. Disse ainda que as instalações hidrossanitárias também prevêem soluções sustentáveis, como o reaproveitamento de água pluvial, uso de caixas com consumo inteligente de água e torneiras com fechamento automático.

“A obra é uma resposta para os comerciantes de Serra Sede”

O presidente da Associação Comercial e Empresarial da Serra Sede, Edson Quintino do Nascimento, conversou com o TEMPO NOVO e adiantou que essa obra é uma resposta da Prefeitura da Serra frente às manifestações que foram realizadas pelos comerciantes da região contra o esvaziamento da Sede.

De acordo com Edson, em outubro do ano passado os moradores e comerciantes da região forma para as ruas protestarem contra o esvaziamento de Serra Sede e exigiram que a administração do município se concentrasse na Serra Sede e essa obra é uma resposta a essa manifestação.

“Colocamos cinco mil pessoas nas ruas e o comércio fechou as portas e saíram com faixas em uma passeata e o prefeito nos recebeu. Exigimos que a Serra Sede passasse a ser o centro do município da Serra e concentrasse aqui na Sede a administração. Essa obra é uma resposta para os comerciantes da Serra Sede”, disse.

Quintino ainda afirmou que a nova obra irá fortalecer a economia da região. “Sem dúvidas irá fortalecer a economia e o comércio. Teremos um fluxo maior de pessoas aqui”, afirma o presidente da associação.

Comentários