• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 41.410 casos
  • 767 mortes
  • 40.067 curados
24 C
Serra
quinta-feira, 04 março - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 41.410 casos
  • 767 mortes
  • 40.067 curados

Pacientes de Manaus chegam ao ES e são transferidos para hospital da Serra

Leia também

Festival Voadora terá 12 shows autorais com destaques da música capixaba  

Cento e oitenta e seis projetos foram inscritos para o processo de seleção do Festival Voadora, cujas apresentações acontecem entre...

Detran implanta exame teórico digital na Ciretran Serra Sede e facilita vida de moradores

O município da Serra receberá mais uma Sala de Exames Teóricos digital do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito...

Vereador defende regulamentação do serviço de mototáxi na Serra

  Por meio do Projeto Indicativo de Lei 43/2021, o vereador Pablo Muribeca (Patriota) defende a regulamentação do serviço de...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Pacientes foram transferidos para o Hospital Jayme dos Santos Neves. Foto: Divulgação

A Serra se tornou um ponto de refúgio para os pacientes com coronavírus de Manaus, capital do Amazonas – onde se vive um colapso no sistema de saúde por conta da falta de oxigênio que já matou pessoas que estavam internadas para serem tratadas da Covid-19. Após o Governo do Espírito Santo oferecer socorro, 18 pessoas foram transferidas para leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Dr. Jayme dos Santos Neves, em Morada de Laranjeiras, na noite desta quinta-feira (21).

A informação da transferência dos pacientes já havia sido noticiada pelo TEMPO NOVO na tarde desta quinta. Os pacientes transferidos chegaram no Aeroporto de Vitória por volta das 21 horas. Eles estavam acompanhados de enfermeiros e médicos com quadro clínico estável. Todos foram encaminhados de ambulâncias para o Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), a transferência entre os estados está sendo organizada pelo Ministério da Saúde, via Força Aérea Brasileira (FAB). Já o processo de regulação acontece em parceria com as Secretarias de Saúde dos estados.

No Jayme, todos pacientes ficarão em isolamento dos demais internados da unidade. O Governo do Estado garantiu que não há risco de contaminação de novas mutações do coronavírus, como ocorreu em Manaus. Até esta sexta-feira (22), o Estado ainda deve receber outros pacientes do Estado do Amazonas.

Pacientes no aeroporto. Foto: Divulgação

Além do Espírito Santo, outros estados abriram as portas para os pacientes: Teresina, no Piauí; Distrito Federal; São Luís, Maranhão; João Pessoa, na Paraíba; Natal, Rio Grande do Norte; Goiânia, Goiás; Fortaleza, Ceará e Recife, Pernambuco.

Solidariedade

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), anunciou na semana passada a disponibilização de leitos para pacientes de Manaus. Na conta oficial do Twitter, o chefe do Executivo estadual afirmou:

“O ES está disponibilizando 30 vagas de UTI-COVID para atender pacientes do Amazonas. Temos condições de recebê-los a partir desta madrugada. O momento exige solidariedade e união dos Estados em prol das vidas humanas”, disse o governador via redes sociais. 

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Saiba mais
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!