22.7 C
Serra
terça-feira, 11 de agosto de 2020

Os riscos da obesidade na terceira idade

Leia também

Retorno das aulas presenciais preocupa autoridades do Estado

Autoridades políticas criticam o anúncio do governo do Estado de que deve retornar as aulas, após o período de...

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas...

Vereadores da Serra adiam votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)

Após entrar em pauta para votação nesta segunda-feira (10), o projeto de lei contendo a Lei de Diretrizes Orçamentárias...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Obesidade
A obesidade, aliada à falta de exercícios físicos, tem sido a grande vilã na terceira idade. Foto: Divulgação

A obesidade, aliada à falta de exercícios físicos, tem sido a grande vilã na terceira idade.  Nos consultórios geriátricos, a prevalência de idosos acima do peso é grande, e as consequências para a saúde são as piores possíveis. Há maior incidência de doenças como infarto agudo do miocárdio, acidente vascular cerebral, hipertensão arterial, diabetes, doenças biliares e alguns tipos de câncer. Além disso, a obesidade pode acelerar o processo de doenças crônico-degenerativas, como Alzheimer e Parkinson.

A geriatra do Hospital Metropolitano, em Laranjeiras, na Serra, Caroline Pupim explica que a obesidade em pessoas com mais de 60 anos causa complicações metabólicas ainda mais graves. Segundo ela, com o envelhecimento há uma perda progressiva da massa magra e o aumento da proporção de gordura corpórea, além da diminuição da estatura, relaxamento da musculatura abdominal, cifose (desvio da coluna que caracteriza a corcunda) e alteração da elasticidade da pele.

Pesquisas apontam que existem indícios de que algumas complicações mais comuns em obesos, como diabetes e derrames, aumentam as chances de demência e, por isso, pessoas com excesso de peso estão mais propensas ao Alzheimer. Além disso, o excesso de gordura no corpo aumenta os níveis de substâncias inflamatórias no sangue, que podem afetar as funções cognitivas.

Seminário

Pensando nestes problemas, especialista do Hospital Metropolitano realizam na Semana do Idoso, o seminário “Corpo, tempo e saúde: formas de viver e ser na velhice”.

A programação será na quarta-feira (7) das 13h30 às 17h, no Espaço Metropolitano de Eventos.

Qualquer pessoa pode participar, tirar dúvidas e debater sobre o assunto com especialistas da área. Mais informações: 2104-7266.

 

Comentários

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas com alunos do Ensino Médio...

Vereadores da Serra adiam votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)

Após entrar em pauta para votação nesta segunda-feira (10), o projeto de lei contendo a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2021 foi retirado da...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!