21.3 C
Serra
sexta-feira, 05 de junho de 2020

Obras com dinheiro do Estado começam a sair do papel na Serra

Leia também

Mudanças no primeiro escalão da Prefeitura da Serra

Dois secretários municipais, Luciana Malini e Jolhiomar Massariol, foram remanejados entre secretarias da Mulher e da Coordenadoria de Governo...

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente...
Vilson Vieira Jrhttps://www.portaltemponovo.com.br%20
Morador da Serra, Vilson Vieira Junior é repórter do Tempo Novo. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Esporte.

Obra estava parada há 4 anos e foi retomada.. Foto: Gabriel Almeida

O Estado está investindo quase R$ 24 milhões na Serra, conforme anúncio do governador Renato Casagrande (PSB). Recursos para o Hospital Infantil, Unidade de Pronto-Atendimento (Upa), retomada da reforma da Norte Sul, melhorias na Av. Talma, reforma de colégio e posto policial estão na lista das obras viabilizadas com recursos estaduais.

Uma delas já está em andamento. É a reforma da Norte Sul entre Laranjeiras e Barcelona, que inclui recapeamento das pistas e construção de ciclovia entre o Terminal de Laranjeiras até as proximidades da entrada de Colina. O custo é R$ 2,7 milhões. Outro investimento é na estruturação do Hospital Materno Infantil, em Colina de Laranjeiras. A obra está sendo tocada pela Prefeitura, e o Estado repassará, por convênio, R$ 8,2 milhões para a aquisição de equipamentos.

Até agora, as obras do hospital já custaram R$ 47 milhões, sendo R$ 20 milhões do Município e R$ 27 milhões repassados pelo Governo Federal, segundo o prefeito Audifax Barcelos (Rede). Há também o convênio de R$ 2,1 milhões para compra de mobília e equipamentos para a Upa de Castelândia, obra municipal que deve ficar pronta em 12 de setembro.

Ainda não iniciada, a obra da Talma Rodrigues, entre o Civit II e Jacaraípe, terá recuperação de ciclovia, implantação de pista de caminhada, urbanização, paisagismo e iluminação em LED. Para as obras, serão repassados R$ 7 milhões do Estado para o Município, que deve executá-las.

Ainda não foi divulgada a data de início dos trabalhos. Já a recuperação das avenidas Rio Amazonas e José Rato, com ciclovia, em Bairro de Fátima, terá repasse de R$ 3,6 milhões. No entanto, esse convênio ainda falta ser repactuado e não há previsão de início das obras.

Também foi anunciado no início de agosto pelo governador a reforma e ampliação de escolas estaduais. Entre elas, está a Iracema Conceição Silva, em Chácara Parreiral.

A Secretaria Estadual de Educação (Sedu) disse, porém, que mais detalhes sobre esse investimento serão divulgados “assim que a Ordem de Serviço for autorizada”. A Sedu, no entanto, não respondeu à pergunta de quais outras escolas estaduais estariam na lista do governo para receber melhorias na Serra.

Comentários

Mais notícias

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente do coronavírus. Isso porque já...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!