19.7 C
Serra
sábado, 28 maio - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Maior economia do ES, Serra lidera também crescimento no repasse do ICMS

Leia também

Campanha de segurança de trânsito alcança 3 mil serranos

Desde o inicio deste mês, o Departamento Operacional de Trânsito (DOT), tendo em vista a campanha de conscientização de...

Polícia prende suspeitos de roubar carro com bebê e criança na frente de creche na Serra

A Policia Civil, por meio da Divisão Especializada de Furtos e Roubos de Veiculos, prendeu em flagrante um dos...

Lei torna hediondo crime praticado contra menores de 14 anos

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.344/2022 que cria mecanismos para a prevenção e o enfrentamento da violência...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Cidade é a maior economia do ES e também lidera no crescimento do repasse do ICMS. Foto: Yuri Scardini

A Serra foi o município do Espírito Santo que obteve o maior crescimento do Índice de Participação dos Municípios (IPM), dado que determina a parte que cada município recebe da divisão do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). De 13,067% em 2021, o percentual passou a ser de 14,176% no ano de 2022, crescimento absoluto de 1,109 pontos percentuais.

O ICMS é o imposto estadual. Entretanto, cada cidade recebe uma cota parte de acordo com os índices de arrecadação e de desenvolvimento econômico que cada município apresenta. Na prática, receber uma fatia robusta do ICMS significa que a economia da região está em desenvolvimento, o que redunda em geração de empregos e renda para a população.

Portanto, o percentual arrecado por ICMS é sempre um bom sinal econômico para as cidades e no caso a Serra lidera este índice.

“Esse resultado é fruto do excelente trabalho realizado pelos servidores do Departamento de Administração Tributária da Secretaria Municipal da Fazenda (Sefa). A equipe, composta por auditores e técnicos, durante todo o ano de 2021 realizou um trabalho de acompanhamento e auditoria da Escrituração Fiscal e das Declarações de Operações Tributáveis das empresas que realizam operações tributadas pelo ICMS no território do município”, explica o secretário da pasta, Henrique Valentim.

Por fim, o secretário ressalta a importante parceria, na correção das inconsistências apuradas ao longo do ano, entre o Fisco Municipal e os contabilistas, categoria profissional responsável pelo envio das Declarações de Operações Tributáveis, de acordo com o regulamento da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).

A estimativa é que a liderança da Serra no crescimento do IPM traga um retorno de mais de R$ 42 milhões aos cofres do tesouro municipal.

As cinco cidades que mais cresceram no IPM de 2021 para 2022:

MUNICÍPIO IPM 2021 IPM 2022 VARIAÇÃO
SERRA  13,067  14,176  1,109
CARIACICA  6,514   7,497  0,983
VIANA  2,253   2,993  0,740
B. DE SÃO FRANCISCO  0,906  1,036  0,130
CACHOEIRO 3,112  3,234  0,122

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!