• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 35.992 casos
  • 711 mortes
  • 34.605 curados
24.2 C
Serra
quinta-feira, 28 janeiro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 35.992 casos
  • 711 mortes
  • 34.605 curados

“Maio Amarelo” quer conscientizar população sobre acidentes de trânsito

Leia também

Reunião entre Vandinho e Coronel Ramalho confirma reforma de delegacia em Jacaraípe  

O problema na segurança é uma das principais queixas dos moradores da Grande Jacaraípe, na Serra. Embora seja um...

Empresa vence ‘queda de braço’ na Justiça e serranos poderão beber água infectada com lixo

A qualidade da água na região de Serra Sede já deixa a desejar e a situação poderá ficar ainda...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Maio Amarelo: pensar no coletivo para reduzir acidentes de trânsito. (Foto: Divulgação)

Criado em 2010 por uma resolução da Assembleia-Geral das Nações Unidas, será lançada no Espírito Santo, pela primeira vez, a campanha “Maio Amarelo”. O propósito é chamar a atenção da sociedade para a importância de se reduzir o número de acidentes de trânsito. O movimento será lançado nesta quarta, às 15h, no Palácio Anchieta, em Vitória. É uma parceria entre o Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES) e o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV).

Para trabalhar o tema em um contexto local, o Detran-ES abordará a valorização da vida, para mostrar que as atitudes de todos devem ser pautadas por escolhas conscientes. De com o diretor-presidente do Detran-ES, Givaldo Vieira, a campanha quer alertar a sociedade para a ideia de que todas as atitudes individuais no trânsito refletem no coletivo. “É fundamental que essa reflexão seja disseminada, com a participação da sociedade, das escolas, faculdades, empresas, órgãos públicos, movimentos sociais, para que as pessoas não percam a vida ou fiquem com sequelas permanentes”, destaca.

O “Maio Amarelo” visa mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no mundo e no Brasil. O tema deste ano, “No trânsito, o sentido é a vida”, foi definido em fevereiro pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende estimular ações voltadas ao fortalecimento das medidas preventivas para maior segurança e preservação da vida.

Em 11 de maio de 2011, a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, que vai até 2020. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

O documento foi elaborado com base em um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS), que contabilizou em 2009 quase 1,3 milhão de mortes por acidentes em 178 países. A cor amarela foi escolhida porque simboliza atenção e, também, a sinalização de advertência no trânsito.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!