19.7 C
Serra
sábado, 28 maio - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Filhos de pais idosos ou deficientes terão prioridade nas vagas de escolas da Serra

Leia também

Campanha de segurança de trânsito alcança 3 mil serranos

Desde o inicio deste mês, o Departamento Operacional de Trânsito (DOT), tendo em vista a campanha de conscientização de...

Polícia prende suspeitos de roubar carro com bebê e criança na frente de creche na Serra

A Policia Civil, por meio da Divisão Especializada de Furtos e Roubos de Veiculos, prendeu em flagrante um dos...

Lei torna hediondo crime praticado contra menores de 14 anos

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.344/2022 que cria mecanismos para a prevenção e o enfrentamento da violência...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Lei determina que alunos que são filhos de pais idosos ou deficientes tenham prioridade nas vagas das escolas da Serra. Foto: Divulgação

O prefeito da Serra, Sergio Vidigal, sancionou uma lei que determina que crianças e adolescentes matriculados na Rede Municipal de Ensino, em que os pais ou responsáveis sejam pessoas com deficiência ou tenham idade igual ou superior a 60 anos de idade, passarão a ter prioridade de vagas nas Unidades de Ensino do município.

Para acessar a Lei, a pessoa com deficiência ou com idade igual ou superior a 60 anos deverá solicitar a matrícula da criança ou do adolescente diretamente nas unidades da Rede Municipal de Ensino, com apresentação da Certidão de nascimento ou RG da criança ou do adolescente e dos pais ou responsáveis, além do comprovante da condição de pessoa com deficiência ou de pessoa com idade igual ou superior a 60 anos e o comprovante de residência atual ou declaração de residência.

O secretário de educação da Serra, Alessandro Bermudes, explicou que caso a pessoa com deficiência ou com idade igual ou superior a 60 anos não seja um dos pais da criança ou adolescente, será necessário apresentar documentação que comprove sua guarda ou tutela.

A lei também determina que a unidade de ensino da rede municipal deverá ser a mais próxima da residência dos pais ou do responsável, ou se for mais vantajoso, uma Unidade de Ensino próxima ao local de trabalho do mesmo, local este que poderá ser comprovado através de declaração assinada e carimbada pelo empregador ou tomador de serviço ou, caso seja autônomo, outro documento que comprove o local de trabalho, a fim de atender a melhor necessidade de logística familiar.

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!