20.7 C
Serra
quarta-feira, 22 setembro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Festança de ano novo movimenta comércio

Leia também

Império de Fátima lança em outubro samba enredo oficial e rainha com samba e muita cerveja

No próximo dia 3 de outubro a escola de samba Império de Fátima vai promover um evento para coroar...

Vendaval destrói poste e deixa bairro da Serra sem energia elétrica

O vendaval da noite desta terça-feira (21) está deixando estragos em alguns bairros da Serra. Em Vila Nova de Colares,...

Calorão na Serra dá lugar a chuva e ventos de até 40 km/h nessa quarta-feira

No dia em que marca a passagem para a Primavera no Hemisfério Sul, o avanço de um sistema frontal...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

 

Maria Aparecida da Art Fogos: vendas dobram nesta época. Foto: Fábio Barcelos

As festas de virada do ano são uma oportunidade para alguns setores do comércio faturarem com a tradição das roupas brancas, ceia e queima de fogos. Na Serra, comerciantes e prestadores de serviços esperam alavancar em até 100% as vendas.

O segmento com maior movimento nesta época é o de fogos de artifício. Na Art Fogos Pirotecnia, em Laranjeiras, as vendas já dobraram, segundo a proprietária Maria Aparecida Silva. “Essa é a melhor data de vendas para nosso segmento e as vendas aumentam em mais de 100%. As pessoas têm gasto em média R$100 com a compra de fogos”, detalha.

Quem trabalha servindo buffets também fatura. Na Vovó Lena Salgados, em Laranjeiras,este é o melhor período do ano, segundo a sócia-proprietária Adriana Silva Souza. “Trabalhamos com entrega de kits montados e este período do ano é o que mais trabalhamos. Nossas vendas aumentam 15% em relação às demais datas. Fornecemos os kits prontos para festas e as pessoas nos procuram pela facilidade. Temos os tradicionais com docinhos e salgadinhos, e os kits especiais de réveillon (tábua de frios, petiscos e outros), entregando até às 21h”, explica.

E nas lojas de roupas, aumenta a procura por peças brancas e amarelas. Na Be.Up de Laranjeiras, a expectativa é de aumento de 50% nas vendas, de acordo com a gerente Leocádia Pereira. “Este ano as vendas de Natal não atingiram nossa expectativa, mas esperamos um crescimento de 50% para os próximos dias, pois muita gente quer virar o ano com uma roupa nova. As peças mais procuradas ainda são as brancas, mas as amarelas também estão entre as favoritas. Também vendemos as roupas de outras cores, pois muitos não ligam para cor”, conta.

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!