23.8 C
Serra
domingo, 17 de novembro de 2019

Ex-ministra de Dilma, Iriny Lopes pode ser candidata a prefeita da Serra

Leia também

Óleo já está em Nova Almeida e Jacaraípe e ameaça também água de serranos

Aconteceu. O petróleo que contamina há mais de dois meses a costa do Nordeste chegou às praias da Serra....

Você adoça seu cafezinho?

Considerando que você utilize um sachê tradicional de 5 gramas por xícara e por dia consuma 3 xícaras de...

Barro na água faz Cesan interromper abastecimento na Serra

Os moradores da Serra, Fundão e Viana  vão ficar sem água nesta sexta-feira (15). Isto porque tem muito barro...
Vilson Vieira Jrhttps://www.portaltemponovo.com.br%20
Morador da Serra, Vilson Vieira Junior é repórter do Tempo Novo. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Esporte.

Iriny ao lado de Dilma: deputada petista é cotada como candidata a prefeita da Serra. (Foto: Divulgação/Governo Federal)

Conceição Nascimento / Vilson Vieira Jr.

Ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres no primeiro mandato de Dilma Rousseff, a deputada estadual Iriny Lopes pode ser o nome do Partido dos Trabalhadores para a disputa por uma vaga na Prefeitura da Serra, em 2020.

Informações vazadas ao TEMPO NOVO por um membro do partido na Serra dão conta de que um grupo político já se movimenta em torno da candidatura de Iriny a prefeita da maior cidade do estado.

Procurada pela reportagem, a deputada confirmou as especulações. “Alguns companheiros do partido me procuraram sobre o assunto, para que eu seja uma alternativa eleitoral na Serra. Não existe esse processo de debate aberto formalmente. É uma coisa a ser analisada, se faremos ou não ainda. Por enquanto, é um desejo de vários companheiros do município; mas não conversei ainda com ninguém e nem refleti sobre isso”, disse Iriny.

Sobre a relação com o prefeito Audifax Barcelos (Rede) e Sérgio Vidigal (PDT), deputado federal, disse que é boa e que construiu alianças políticas município. “Tenho boa relação com a Serra, tenho uma boa base lá, onde já morei e tenho boa relação com diversos atores políticos da cidade. Como colegas de bancada, quando fui deputada federal, e quando presidente do diretório estadual do PT e eles na condição de presidentes de seus respectivos partidos, tive oportunidades não só de relações pessoais, mas de construir alianças e chapa”, relatou Iriny Lopes.

Já o presidente municipal do partido, Miguel Junior, ligado ao vereador Aécio Leite, se mostrou surpreso com a informação. “Não estou sabendo” e se apoiaria o nome de Iriny. “Depende das condições”, destacou. Perguntado se o diretório do PT teria outros nomes disponíveis para a disputa, respondeu positivamente. “Temos. O vereador Aécio Leite, por exemplo; o Cleber Lanes; e, quem sabe, até o meu e o da Fernanda Souza, ex-secretária de Trabalho”.

Vale destacar que, na arena política petista, Iriny Lopes se situa no lado oposto ao vereador Aécio Leite, ligado ao grupo de João Coser. Em setembro haverá eleição interna do PT local, a qual deve deliberar sobre o tema.

Comentários

Mais notícias

Você adoça seu cafezinho?

Considerando que você utilize um sachê tradicional de 5 gramas por xícara e por dia consuma 3 xícaras de café, seu consumo diário de...

Barro na água faz Cesan interromper abastecimento na Serra

Os moradores da Serra, Fundão e Viana  vão ficar sem água nesta sexta-feira (15). Isto porque tem muito barro na água  e a alta...

Chuva alaga Vale e eleva risco de vazamento de rejeitos em Tubarão

Localizada na divisa entre Serra e Vitória, a planta industrial de Tubarão da Vale também não escapou dos alagamentos que atingem o ES por...

Fortes chuvas deixam 72 pessoas desalojadas no ES

Apesar de não ter causado grandes estragos na Serra, as fortes chuvas que estão caindo no Espírito Santo desde a madrugada da última quarta-feira...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!