19.8 C
Serra
quinta-feira, 21 outubro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Evangélicos vão dar rosas a prostitutas na Serra e em Vitória

Leia também

Investimento de R$ 9 milhões | Casagrande entrega 94 novas viaturas à Polícia Militar

O governador do Estado, Renato Casagrande, realizou, na manhã desta quinta-feira (21), a entrega de 94 novas viaturas à...

Sexta Cultural da Elemento 9 vai levar rap, skate e muita dança de rua à Barcelona

A praça dos Ipês do bairro Barcelona, na Serra, vai ser palco neste fim de semana da Sexta Cultural...

Serra abre mais de 18 mil vagas para 1ª, 2ª e 3ª doses contra a Covid-19 nesta quinta

Nesta quinta-feira (21), às 18 horas, a Prefeitura da Serra vai disponibilizar 18.145 vagas para pessoas que queiram se...
Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

 

Grupo de jovens evangélicos que irá participar da ação. Foto: Divulgação/Igreja Adventista
Grupo de jovens evangélicos que irá participar da ação. Foto: Divulgação/Igreja Adventista

Uma ação ousada. É assim que um grupo de jovens evangélicos da Igreja Adventista do Sétimo Dia de Carapina pretende homenagear as mulheres nesta terça (08), no dia internacional dedicado a elas.

A ação acontecerá à noite, das 21h às 01h. Entre os destinos do grupo, pontos conhecidos pela concentração de garotas de programa, como o bairro Jardim Limoeiro, na região conhecida como Copo Sujo, e ainda os bairros Jardim Camburi e Jardim da Penha em Vitória.

A distribuição das rosas aconteceu também no ano passado.  Um dos organizadores, o pastor Célio Barcellos, disse que a receptividade das meninas foi boa, entre elas houve um misto de surpresa e felicidade.

“Podemos imaginar as lutas e sofrimentos que passam. E a Igreja, ao levar essa mensagem, deseja valorizá-las como mulher, como pessoa.  Levar esperança sem olhar o exterior”, frisa Barcellos.

Uma das participantes da ação é a dona de casa Norma de Carvalho Botelho, ex-usuária de crack. Ela destaca a importância deste simples gesto na vida destas mulheres. “Eu já estive nesse lado da vida. É uma maneira de levar um pouco de esperança. O que eu recebi e salvou minha vida, estou retribuindo para elas”, enfatiza.

Autor da ideia, o estudante de psicologia Diego Correa dos Santos explica que o projeto surgiu de uma inquietude em servir ao próximo, mesmo que esse não fosse visto com “bons olhos” pela sociedade.

 

Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!