24.1 C
Serra
terça-feira, 19 de novembro de 2019

“E se o vazamento (de óleo) fosse na praia de Copacabana?”, diz Contarato contra Bolsonaro

Leia também

Um partido para chamar de meu, segundo Jair Bolsonaro

Nessa semana que passou, colocando termo final na sua relação conflituosa com seu Partido PSL, o Presidente Jair Bolsonaro...

Vai chover nesta terça-feira (19)? Veja na previsão do tempo

A semana do capixaba começou com chuva em quase todo o Espírito Santo, inclusive na Grande Vitória. E a...

Morador da Serra vence prêmio de design nacional

Referência internacional na produção de acessórios de decoração e utilitários em resina de poliéster, o artista plástico e designer...
Yuri Scardinihttps://www.portaltemponovo.com.br
Morador da Serra, Yuri Scardini é o editor de política do Tempo Novo. Além de sua área, o jornalista, escreve para outras editorias do portal.

O Senador Fabiano Contarato subiu o tom contra o Governo de Jair Bolsonaro (PSL) por conta da “omissão” no caso da poluição por óleo que vem assolando as praias do nordeste há aproximadamente 50 dias. De acordo com o capixaba, “Bolsonaro é o capitão de um navio naufragando” e que “não tem noção de sua função”.

As declarações foram dadas em entrevista ao site do Uol. “Ele (referindo-se a Bolsonaro) não visitou nenhuma praia; sequer sobrevoou a região”, critica o senador.

Ao TEMPO NOVO a assessoria de Contarato disse que ele cobrou explicações do Governo Federal sobre manchas de óleo em praias do Nordeste.

“O senador Fabiano Contarato (Rede-ES) está requerendo informações dos Ministérios de Meio Ambiente e de Minas e Energia sobre as causas e os efeitos das manchas de óleo em praias do Nordeste. Seus requerimentos foram aprovados na quinta-feira (10) pela Comissão de Meio Ambiente (CMA) do Senado Federal, colegiado que Contarato preside”, disse  em nota.

O senador aponta para danos ambientais, prejuízos ao turismo e novamente critica a postura do Governo de Bolsonaro. “Até aqui o governo tem sido reativo. Mas o que precisamos é de pro-atividade. Queremos saber o que será feito e em quais prazos. Também, não é só mitigar danos. É preciso prevenir acidentes, fiscalizar atividades econômicas e ter uma real preocupação com o meio ambiente. Vamos cobrar e muito. Esse é o nosso papel como parlamentar e presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado Federal”, disse o senador.

Depois de notificados, os ministérios terão até 30 dias para esclarecerem, entre outras coisas, sobre medidas de contenção de danos e responsabilização dos causadores.

Entenda o caso

O Vazamento de óleo já é tratado como o maior desastre ambiental do litoral brasileiro. O material já atingiu 201 localidades de 74 municípios nordestinos. Segundo o Ministério Público, 2.100 quilômetros de litoral de nove estados já foram atingidos pelo óleo. Seiscentas toneladas de resíduos já foram retiradas das praias, segundo a Marinha.

Os estados atingidos até o momento são Sergipe, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piaui e Rio Grande do Norte. O vazamento já atingiu 201 localidades de 74 municípios no litoral do Nordeste.

‘Chegada’ do óelo em praias da Serra

Ainda não há certeza sobre a possibilidade da ‘chegada’ do óleo em praias capixabas. A prefeitura da Serra foi demandada sobre o assunto, para explicar sobre plano de contingência, retirada e manejo do material caso ele chegue ao litoral do município, mas ainda não respondeu.

Comentários

Mais notícias

Vai chover nesta terça-feira (19)? Veja na previsão do tempo

A semana do capixaba começou com chuva em quase todo o Espírito Santo, inclusive na Grande Vitória. E a previsão do Instituto Capixaba De...

Morador da Serra vence prêmio de design nacional

Referência internacional na produção de acessórios de decoração e utilitários em resina de poliéster, o artista plástico e designer Rubens Szpilman, que é morador...

Mais de 100 vagas de emprego abertas no Sine da Serra

O Sine da Serra está com diversas oportunidades de emprego nesta terça-feira (29) e as chances são para profissionais com diferentes níveis de escolaridade....

OAB faz mutirão para orientar serranos sobre fraudes na Black Friday

O mutirão acontecerá nas proximidades da Avenida Central, em Laranjeiras, e os consumidores poderão se dirigir ao local para obter orientações sobre compras via internet, trocas e outras informações

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!