• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 57.848 casos
  • 1.210 mortes
  • 55.783 curados
24.7 C
Serra
quarta-feira, 12 maio - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 57.848 casos
  • 1.210 mortes
  • 55.783 curados

Desrespeitando a lei, trio de Fábio/Audifax volta a circular sem o candidato em Laranjeiras

Leia também

Em 24h, Serra perde mais 9 moradores para o coronavírus e registra 322 novos infectados

A Serra atingiu, no final da tarde desta quarta-feira (12), a triste marca de 1.210 moradores que morreram por...

Prefeitura da Serra abre 3.500 vagas para vacinação contra gripe nesta quarta

A Prefeitura da Serra, através da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), vai abrir 3.500 novas vagas de vacinação contra...

Parceria entre Prefeitura e Sebrae quer capacitar lideranças e contribuir para o turismo da Serra

Fortalecer municípios que possuem pontos turísticos no Espírito Santo. Esta é a intenção da parceria que o Sebrae está...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Vídeo foi gravado nesta quarta-feira e pode ser visto no final desta matéria. Crédito: Reprodução | Jornal Tempo Novo

Após a mudança do primeiro para o segundo turno das eleições municipais deste ano, o ‘trio fantasma’ da campanha de Fábio Duarte (Rede) à Prefeitura da Serra voltou a circular por bairros da cidade. Assim como no primeiro turno, o principal bairro para circulação do veículo automotivo é Parque Residencial Laranjeiras. A reportagem do TEMPO NOVO flagrou a cena – que é considerada crime eleitoral – na tarde da última quarta-feira (18). Em cima do trio elétrico, estava apenas um locutor que pedia votos para o candidato.

A reportagem apurou, através da Justiça, que a utilização de carros de som só pode ocorrer em carreatas, passeatas, comícios ou reuniões de campanha com a presença do disputante ou seu vice. O problema é, que em todas as vezes que o trio elétrico de Fábio foi flagrado (no primeiro e segundo turno), o veículo circulava de forma isolada, ou seja, sem a presença do candidato, e sequer, apoiadores nas proximidades.

Mesmo assim, a circulação continua ocorrendo. No vídeo gravado pela reportagem (assista abaixo), um homem – não identificado – estava em cima do trio elétrico. Ele pedia votos e conversava com lojistas e pedestres que estavam no local. A Avenida Central é a mais utilizada para a circulação, mas ruas laterais, como a Segunda Avenida, também são alvo.

Conforme informado pelo TEMPO NOVO, além da lei não permitir a prática, a campanha de Fábio também foi impedida pela Justiça Eleitoral de circular o veículo. Na ocasião, o Juiz Eleitoral, Thiago Vargas Cardoso, determinou a suspensão imediata do meio irregular de divulgação sob pena de multa no valor de R$ 20 mil. Mesmo assim, em matéria publicada no dia 5 de novembro, eleitores denunciaram que a determinação judicial não foi respeitada.

Ao contrário do que aconteceu em semanas anteriores, dessa vez, o trio não circula mais a mensagem do padrinho político de Fábio, Audifax Barcelos (Rede), que dizia insistentemente “Audifax é Fábio e Fábio é Audifax”. Segundo informações de bastidores, a estratégia de campanha para essa nova fase da eleição é desvincular o candidato do seu principal apoiador (leia mais sobre isso clicando aqui).

Vale lembrar que, neste ano, Audifax Barcelos não poderá ser candidato, pois já esgotou a possibilidade de reeleição. Por isso, o prefeito anunciou Fábio Duarte como sua aposta de sucessão. Desde então, o atual chefe do Executivo vinha fazendo campanha para o vereador, inclusive sempre afirmando que Fábio dará continuidade ao seu mandato.

A reportagem tenta contato com Fábio Duarte, através da assessoria de imprensa do candidato, mas até a finalização deste texto não obteve retorno. Caso a demanda seja respondida, essa matéria será atualizada com o posicionamento.

Veja vídeo abaixo:

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!