19.8 C
Serra
quinta-feira, 21 outubro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

CPI resgata cachorro acorrentado e maltratado em bairro da Serra

Leia também

Investimento de R$ 9 milhões | Casagrande entrega 94 novas viaturas à Polícia Militar

O governador do Estado, Renato Casagrande, realizou, na manhã desta quinta-feira (21), a entrega de 94 novas viaturas à...

Sexta Cultural da Elemento 9 vai levar rap, skate e muita dança de rua à Barcelona

A praça dos Ipês do bairro Barcelona, na Serra, vai ser palco neste fim de semana da Sexta Cultural...

Serra abre mais de 18 mil vagas para 1ª, 2ª e 3ª doses contra a Covid-19 nesta quinta

Nesta quinta-feira (21), às 18 horas, a Prefeitura da Serra vai disponibilizar 18.145 vagas para pessoas que queiram se...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

O animal foi resgatado em Novo Horizonte. Foto: Divulgação

Depois de receber denúncias com vídeo de um cachorro acorrentado, ao relento, a presidente a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais, a deputada Janete de Sá (PMN), deslocou uma equipe manhã deste sábado (04/09), uma equipe até o bairro Novo Horizonte, no município de Serra, para averiguar o caso.

No local a equipe da CPI encontrou um cachorro de porte médio acorrentado de forma inadequada, em local insalubre. O animal foi resgatado e direcionado para receber atendimento médico veterinário em uma clínica, e será encaminhado para o abrigo, onde receberá todos os tratamentos necessários para posterior adoção responsável.

“O tutor do animal não foi encontrado na residência senão seria levado preso. A CPI registrou um Boletim de Ocorrência Unificado (BOU) pelo recolhimento do animal, direcionado à Delegacia de Meio Ambiente para que os infratores sejam punidos de acordo com a legislação penal brasileira. Agradecemos o apoio dos policiais militares do 6º BPM que nos apoiaram na ocorrência e aos protetores Roberta e Mário que ajudaram no transporte e com o lar temporário”, declarou a deputada Janete de Sá.

Vale constar que a lei 14064 vigente em nosso país prevê reclusão de dois a cinco anos para quem pratica crime de maus-tratos.

As denúncias devem ser encaminhadas à CPI pelo e-mail: [email protected]

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!