22.6 C
Serra
domingo, 05 de julho de 2020

Centro logístico da Bayer em Tropical começa a operar no dia 03 de julho

Leia também

Projeto garante teste gratuito de coronavírus a doadores de sangue

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei versa sobre a inclusão de testes para detecção da Covid-19 em...

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...
Bruno Lyrahttps://www.portaltemponovo.com.br
Repórter do Tempo Novo há mais de 10 anos, Bruno Lyra escreve para diversas editorias do portal, principalmente Economia e Meio Ambiente, das quais é o responsável.

O empreendimento da multinacional alemã ficará neste ponto da BR 101 entre Jardim Tropical e Valparaíso. Foto: Reprodução/ Google Street View

O Centro de Distribuição (CD) da Bayer na Serra começa a operar no próximo dia 03 de julho às margens da BR 101, na altura de Jardim Tropical, na Serra. A informação é da assessoria de imprensa da Bayer.  A estrutura ficará num galpão do condomínio empresarial Eximbiz.

Segundo a multinacional alemã, o que está vindo para a cidade é o Centro de Distribuição que atualmente funciona em Barueri – SP. A estrutura pertence à Bayer Consumer Health, divisão da empresa que trabalha com produtos farmacêuticos não prescritos, como vitaminas, cremes e analgésicos. É isso que passará pelo CD de Jardim Tropical.

A assessoria de imprensa da Bayer explicou que parte desses produtos são importados e devem continuar passando pela estrutura de Barueri, mas o faturamento agora ocorrerá na unidade da Serra.  Explicou ainda que a operação será toda feita pela empresa de logística DHL, incluindo a gestão do CD de Jardim Tropical. O modal de transporte será o rodoviário, tanto para a chegada quanto para a distribuição dos medicamentos.

O CD na Serra terá 600 m2, deve movimentar 540 pallets por mês e irá servir 26 clientes distribuídos por 20 estados do país.  Perguntada sobre geração de empregos, investimento e quais fornecedores e prestadores de serviços locais podem ser acionados com a presença do novo CD, a Bayer informou que isso deve ser apurado junto à DHL, por ser a operadora da estrutura. A reportagem já acionou a empresa de logística e se tiver retorno sobre esses dados publicará neste espaço.

O Centro de Distribuição foi anunciado ontem (23) pelo Governador Renato Casagrande (PSB), durante reunião remota com representantes da Bayer que foi transmitida pela internet. A notícia foi comemorada por lideranças políticas e gestores locais.

Uma delas, o deputado estadual e pré-candidato à prefeito Bruno Lamas (PSB), disse que a Serra é o principal polo industrial e segunda economia do ES. “Para nós é um dia de muita importância pelo tamanho da Bayer no mundo. É mais trabalho, emprego e renda na veia do cidadão serrano”, observa.

Já o prefeito Audifax Barcelos (Rede), destacou que o Centro de Distribuição ganha ainda mais importância por vir num momento de severa crise econômica gerada pela pandemia da covid-19. “É uma demonstração de que apesar da crise a Serra mantém um dinamismo importante que atenua os impactos sociais dessa crise”, avalia.

O secretário de Desenvolvimento do município, José Eduardo Azevedo, lembra que as negociações para a instalação do empreendimento estavam acontecendo há três meses e afirma que a licença será expedida ainda esta semana.  “É uma empresa multinacional importante para o mundo inteiro e isso é uma demonstração do bom ambiente de negócios da Serra, da qualidade da nossa estrutura e das nossas instituições municipais. Uma empresa desse porte é um cartão de visitas para atrair outras empresas de grande porte, como tem acontecido nos últimos meses”, conclui.

 

Comentários

Mais notícias

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12 de julho, as 16 horas....

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!