25.2 C
Serra
sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Campanha para doar animais de protetora que está doente e precisa voltar para terra natal

Leia também

Moradores de Barcelona inauguram árvore de natal com festa e Papai Noel

Acostumados a não ter iluminação de natal pública na comunidade, alguns moradores de Barcelona com o apoio de comerciantes...

Bolsonaro sanciona lei que aumenta saque do FGTS para R$ 998

O limite do saque imediato das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) passou de R$...

Estado vai contratar professores em Designação Temporária com salário de até R$ 3.732

A Secretaria da Educação (Sedu) divulgou os editais com as normas do Processo Seletivo para contratação de professores em...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

 

Soninha possui dezoito animais, a maioria deles é castrado. Foto: Amizade é um Luxo

Os grupos de proteção animal da Serra e do Espírito Santo estão se mobilizando para ajudar uma protetora do bairro São Francisco, na região de Jacaraípe, que está com problema de saúde e terá que retornar para sua terra natal, Minas Gerais. A campanha de adoção está sendo feita em diversos grupos de WhatsApp e Facebook.

Soninha Silva, como é conhecida no meio da proteção animal, possui febre reumática, coreia aguda, tumores no intestino e pulmões debilitados. Ela possui dezoito animais, todos cães, machos e fêmeas. Além disso, o imóvel que Soninha mora é alugado e ela não possui fonte de renda para continuar pagando aluguel. A única renda que ela tinha, foi perdida.

“As meninas são praticamente todas castradas, são 10 no total e apenas uma que falta fazer a cirurgia. Já os machos são oito e somente três são castrados”, destaca a cuidadora.

Os cães que Soninha cuida foram todos resgatados das ruas em situação de maus-tratos, entre os bichinhos que estão para adoção estão dois especiais: o Zumbi, que é paraplégico. “Quando o peguei na rua estava muito doente, cuidei, ele sobreviveu e hoje vive muito feliz, mesmo com sua deficiência física”.

Outro cachorro que possui deficiência é a Iara que é cega. Além desses tem outros animais sadios e prontos para serem adotados. Todos são vira-latas, ou seja, sem raça definida.  “Tenho sessenta anos e é difícil demais pra eu arrumar um emprego. Realmente não gostaria de me desfazer dos meus bichinhos, mas infelizmente não vejo outra alternativa. Fora este que ficam comigo em minha casa que é alugada, ainda cuido de muitos animais na rua. É muito triste pra mim ter que deixar tudo isso pra trás”.

Quem quiser adotar algum dos cães pode entrar em contato diretamente com Soninha pelo telefone 27 99994-6005. Os animais são dóceis e porte médio.  Se alguém quiser doar valores ou ração para ajudar Soninha e os animais pode entrar em contato também pelo mesmo número.

Confira alguns animais para adoção:

Comentários

Mais notícias

Bolsonaro sanciona lei que aumenta saque do FGTS para R$ 998

O limite do saque imediato das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) passou de R$ 500 para o valor do...

Estado vai contratar professores em Designação Temporária com salário de até R$ 3.732

A Secretaria da Educação (Sedu) divulgou os editais com as normas do Processo Seletivo para contratação de professores em Designação Temporária (DT) para atuar...

Acidente entre ônibus e caminhão deixa feridos na Serra

Na manhã desta quinta-feira (12), um ônibus e um caminhão se envolveram em um acidente na principal Avenida de Morada de Laranjeiras, na Serra....

Upa de Castelândia começa a funcionar neste domingo

Com um investimento de R$ 9 milhões, a Prefeitura da Serra vai inaugurar neste sábado (14), a Unidade de Pronto Atendimento (Upa) de Castelândia....

Você também pode ler

Conteúdo patrocinado

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!