Audifax ‘amansa’ oposição e tem Câmara favorável

0

Após quase um mês da conturbada sessão que deu posse aos vereadores e elegeu a nova Mesa Diretora da Câmara da Serra, ao menos nove vereadores de oposição se aproximaram do prefeito Audifax Barcelos (Rede). A agenda com o grupo já começou e segue até o início de fevereiro. Na pauta de negociações, demandas dos parlamentares para o Executivo e o posicionamento mais harmônico no Legislativo.

A estreante Cleusa Paixão (PMN) confirmou a agenda com o prefeito no próximo dia 1º de fevereiro. “Já conversei com a vice-prefeita (Márcia Lamas-PSB), logo que houve a queda dos 12. Estou amadurecendo, deixando fluir. Tenho agenda para o dia 1 de fevereiro, vou levar pautas de Nova Almeida”, lembrou.

Aécio Leite (PT), outro que pertencia ao grupo dos 12, disse que seu encontro com Audifax será no dia 3/02. “Alguns projetos eu não consigo votar, contra servidores e sindicatos, por exemplo, mas oposição ao prefeito não existe mais. No dia 3/2 haverá uma reunião comigo, fazer oposição burra não ajuda o município em nada”, disse Leite.

O pedetista Geraldinho PC confirmou que já se reuniu com o prefeito. “Temos agenda na próxima quarta-feira (1). Sou PDT, mas pertenço ao povo da Serra, mandato do município, sou grato ao PDT, mas em nome da cidade preciso dialogar com o Executivo” disse ele.

Gilmar Dadalto (PSDB) também já se reuniu com o prefeito, após a posse. “Tive uma conversa com ele no dia 10 de janeiro, vamos voltar a nos reunir na primeira quinzena de fevereiro. Eu estava no grupo, mas não vim aqui para fazer oposição, mas para ajudar a cidade e minha região. Já me alinhei com o prefeito e levei as demandas da comunidade. Vamos trabalhar junto com o prefeito”, finalizou.

Além dos novatos, especula-se que os vereadores veteranos Basílio (Pros) e Nacib Haddad (PDT) também já se alinharam com Audifax e devem compor com os governistas na Câmara.

Em nota enviada por sua assessoria, o prefeito Audifax Barcelos falou sobre o novo cenário da Câmara. “Nós precisamos somar forças em prol da população da cidade e não dividir. A nossa cidade precisa da ajuda de todos e estamos trabalhamos nesse sentido. A eleição acabou e os serranos precisam da união da classe política”.

Comentários