28.7 C
Serra
segunda-feira, 13 de julho de 2020

Até caixa d´água é encontrada dentro de bueiro na Serra

Leia também

Com diminuição nos casos e óbitos diários, Serra registrou somente uma morte nas últimas 48 horas

Mesmo com o Espírito Santo ultrapassando a triste marca de duas mil mortes causadas pelo coronavírus no último domingo...

Sine da Serra vai dar curso e os melhores terão emprego garantido

A Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda da Serra (Seter), em parceria com uma empresa prestadora de serviço para...

Opinião TN: O sucesso do governo Bolsonaro

Se tem uma frente em que o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) está tendo sucesso é a do...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Pedaço do objeto foi retirado de bueiro. Foto: Divulgação

De caixa d’água a pedaços de sofá. Esses são alguns dos objetos descartados incorretamente nos bueiros da Serra. Também podemos destacar: portas de guarda rouba, guimbas de cigarros, embalagens plásticas, sacolas, roupas e até pedras. Só no mês de novembro, foram retirados 100 toneladas de lixo da rede de drenagem da cidade.

De acordo com a Secretaria Municipal de Serviços (Sese), esses materiais entopem os bueiros da cidade e obstruem a drenagem das águas, podendo causar alagamentos nos períodos de chuva. A pasta afirma que realiza a limpeza do município diariamente, e na tarde de quarta-feira (20) equipes retiraram uma pedra com cerca de 25kg, que foi jogada dentro da caixa de drenagem, obstruindo o escoamento de água, no bairro Balneário de Carapebus.

Para o prefeito Audifax Barcelos (Rede), a população tem que ajudar a manter a cidade limpa. “Nós limpamos a cidade, mas também precisamos da colaboração da população. Conscientização é a palavra principal para evitar transtornos maiores em relação à sujeira dos bueiros. O entupimento de uma rede traz prejuízos à prefeitura, como a queda do asfalto ou da rede, assim como aos próprios moradores que podem ter sua casa invadida pela água no período de chuvas”, disse Audifax.

O prefeito Audifax Barcelos comentou que a limpeza do município é de responsabilidade da administração pública, porém, para que a cidade se mantenha limpa também são necessários a participação e o compromisso da população.

“Nós limpamos a cidade, mas também precisamos da colaboração da população. Conscientização é a palavra principal para evitar transtornos maiores em relação à sujeira dos bueiros. O entupimento de uma rede traz prejuízos à prefeitura, como a queda do asfalto ou da rede, assim como aos próprios moradores que podem ter sua casa invadida pela água no período de chuvas”, disse Audifax.

Veja mais fotos: 

Combate ao descarte irregular de entulho

Ainda segundo informações da Prefeitura da Serra, além da limpeza diária e dos mutirões programados nos bairros, a Sese, em parcerias com outras pastas, realiza, desde o início de 2017, um programa de retirada e combate ao entulho “Serra Limpa é Serra Linda”. Há também a fiscalização constante contra o descarte irregular de entulho, prática que compromete o escoamento de água durante a chuva e pode favorecer alagamentos.

Em 2019, até setembro, já foram retiradas mais de 67 mil toneladas de entulhos de pontos viciados. O gasto anual com a retirada desse entulho gira em torno de R$ 7 milhões.

A campanha também tem outras ações, como: a criação de um WhatsApp (99976-2595) para receber fotos e vídeos de flagrantes de irregularidades; intensificação da fiscalização e das notificações e multas; criação de leis específicas para regularizar o despejo e destinação de entulho, entre outras.

Saiba onde descarte corretamente

A Prefeitura da Serra mantém o programa João de Barro em andamento no bairro Novo Porto Canoa. No local podem ser descartados resíduos da construção civil de pequenos geradores da região. Fica na Avenida Amazonas, ao lado do Centro Comunitário. O horário de funcionamento é de segunda à sexta-feira, das 8 às 17 horas. Cada morador pode levar, no máximo, 15 sacos de ráfia ou 15 carrinhos de mão de entulho, por dia.

Para destinação de entulho, o município disponibiliza também a Área de Transbordo e Triagem no Bairro Barcelona, localizada a Av. Região Sudeste, 300 metros após a entrada pela BR 101, antes do posto BKR.

Para descartar mais de 15 sacos de ráfia, o morador precisa contratar uma caçamba de empresas credenciadas que são monitoradas pela prefeitura; e tem de dar uma destinação correta para o entulho, conforme prevê a lei 4.764, de 28 de dezembro de 2017, que estabelece multa de até R$ 2.224 para quem não cumpre as regras.

Comentários

Mais notícias

Sine da Serra vai dar curso e os melhores terão emprego garantido

A Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda da Serra (Seter), em parceria com uma empresa prestadora de serviço para uma siderúrgica, está oferecendo vagas...

Opinião TN: O sucesso do governo Bolsonaro

Se tem uma frente em que o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) está tendo sucesso é a do meio ambiente. Sim, você não...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!