Animais de grande porte em perímetros urbanos do Estado com os dias contados

0
Modelo cavalo de lata é utilizado em diversos estados brasileiros.; Foto: Divulgação
Modelo cavalo de lata é utilizado em diversos estados brasileiros.; Foto: Divulgação

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei que proíbe a permanência e utilização de animais de grande porte dentro de perímetros urbanos do Estado. O projeto se aplica aos municípios capixabas com mais de 50 mil habitantes e prevê a remoção, acolhimento e destinação dos animais irregulares, com multas para os seus proprietários, no caso de resgates. A regra não se aplica, porém, a animais de grande porte utilizados pelas forças de segurança pública.

O projeto é de autoria da deputada Janete de Sá (PMN), que propõe ainda a substituição das carroças movidas por cavalos por veículos de propulsão humana ou motorizados, as carroças de lata, já utilizadas em outros estados.

Com isso, segundo a deputada, a subsistência das famílias estaria garantida e os animais não seriam sacrificados por horas sem comer, beber ou descansar.

Segundo a proposta, os animais recolhidos poderão ser resgatados pelos proprietários e ser doados para instituições de proteção animal. Podem ainda ser submetidos à eutanásia, quando apresentarem estado de saúde irrecuperável, sejam portadores de moléstias determinantes de eliminação e outras. Em qualquer caso, o procedimento só poderá ser feito por um veterinário.

Comentários
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.