Serra, 24 de junho de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Meio Ambiente

Serra, 26 de Janeiro de 2018 às 9:40

Represa no rio Jucu pode ajudar Serra a ter mais água  


 

Rio Jucu próximo a captação para a Grande Vitória : queda de vazão pode ser atenuada com represa. Foto: Bruno Lyra

Bruno Lyra

A represa que o Estado promete construir no rio Jucu pode ajudar a Serra a ter mais água disponível. É que ao dar maior segurança hídrica para os mais de um milhão de habitantes na porção sul da Grande Vitória, o empreendimento pode tirar o excesso de demanda sobre o rio Santa Maria, principal manancial que atende a Serra.

A conta é simples. Hoje o Santa Maria também atende a zona norte de Vitória, que compreende os bairros da capital localizados após o Canal da Passagem. Porém, esta região também é interligada ao sistema Jucu e já foi atendida por ele durante a severa estiagem que deixou a vazão do Santa Maria tão baixa, em setembro de 2016, que nem mesmo o rodízio vigente na época pôde ser cumprido. Algumas regiões da Serra chegaram a ficar cinco dias sem água na ocasião.

Já a Cesan é cautelosa sobre a relação da nova represa com maior oferta de água na Serra. Através da assessoria de imprensa, disse que a cidade não será beneficiada diretamente, uma vez que a represa servirá para armazenar o líquido para abastecer diretamente a parte sul da Grande Vitória, que inclui Vila Velha, Viana, Vitória (a parte da Ilha) e Cariacica (exceto Sede e região do Contorno).

A Cesan acrescenta que a Serra já está sendo beneficiada pela represa da hidrelétrica de Rio Bonito, no Santa Maria, que desde 2015 passou a ser operada prioritariamente para armazenar água. E que a cidade passou a contar com reforço no abastecimento com a inauguração do sistema do rio Reis Magos no final do ano passado.    

Para o presidente da Associação dos Empresários da Serra, Djalma Neto, mesmo não atendendo diretamente o município, a represa no Jucu é benéfica para a cidade. “Assim como o sistema Reis Magos, o projeto do Jucu traz mais oferta de água à Grande Vitória. E isso é bom para a Serra, pois o investidor ficará mais seguro para colocar seus recursos aqui tendo garantia de que haverá água”, resume.

Governo promete licitar obra no 1º semestre    

A represa ficará na Serra da Vista Linda, acima da ponte da Macumba, entre Viana e Domingos Martins. Ele deverá preencher o vale, com 14 hectares de espelho d’água, às margens da BR 262, numa região conhecida como Biriricas.

Segundo a Cesan, a barragem terá 50 metros de altura e vai armazenar cerca de 23 bilhões de litros, o que daria para abastecer Cariacica, Vitória e Vila Velha por três meses. A empresa estadual projeta iniciar a licitação no primeiro semestre deste ano.  O custo estimado é de R$ 108 milhões e a obra deve durar entre dois e três anos. 

Ainda de acordo com a Cesan as desapropriações já estão acontecendo e o empreendimento possui Licença Prévia (LP) emitida pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do ES (Idaf-ES).




O que você acha ?

Você está animado para a Copa do Mundo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por