25.8 C
Serra
quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Prefeitura não paga conta e Policia Ambiental fica sem luz

Leia também

Janela eleitoral para vereadores começa dia 5 de março

Começa no dia cinco de março o prazo para vereadores trocarem de partido sem o risco de complicações com...

Vereador da Serra pode justificar falta com atestado médico e sem aprovação do plenário

Vereadores da Serra não precisam mais submeter atestados médicos a apreciação do plenário para justificar a ausência. A Câmara...

Império de Fátima é campeã e desfila na sexta em 2021

A escola de samba Império de Fátima sagrou-se campeã do Grupo de Acesso B que desfilou na última quinta-feira...
Bruno Lyrahttps://www.portaltemponovo.com.br
Repórter do Tempo Novo há mais de 10 anos, Bruno Lyra escreve para diversas editorias do portal, principalmente Economia e Meio Ambiente, das quais é o responsável.

A sede da Apa da Lagoa Jacuném é uma das principais obras ambientais dos últimos anos na Serra. Foto: Renato Ribeiro
A sede da Apa da Lagoa Jacuném é uma das principais obras ambientais dos últimos anos na Serra. Foto: Renato Ribeiro

A onda de corte de energia por falta de pagamento em repartições mantidas pela Prefeitura chegou à Área de Proteção Ambiental (APA) Jacuném no Bairro Barcelona. Além das atividades administrativas e de educação ambiental, a situação atinge em cheio o funcionamento do Destacamento da Polícia Ambiental que funciona no prédio.  

Segundo moradores vizinhos, o corte ocorreu na última semana. A este problema se somam a falta de internet para funcionários e policiais e até falta de capina na área externa da APA.  

“Freqüento o local desde 2015 e sempre foi assim. Um local tão bonito e com uma função tão importante, parece abandonado pelo poder público. Cortaram a energia agora, mas sei que os funcionários têm dificuldades com o acesso à internet desde a inauguração da sede”, denuncia o morador Paulo Alves.

Coordenadora do Movimento Ambiental, Luciana Castorino, teme que esses problemas afetem o trabalho da Polícia Ambiental no município. “Existe um convênio com o Estado para que o Destacamento da Polícia Ambiental funcione dentro da APA Jacunem, e a Prefeitura tem a responsabilidade de oferecer as condições necessárias para esse trabalho”, explica.  

Para o presidente da Associação de Moradores de Barcelona, João Carlos Pereira, a situação preocupa. “Já nos colocamos a disposição para ajudar a APA no que for preciso. O trabalho que a polícia ambiental tem realizado é excepcional, e temo que por falta das condições básicas para prestação de um serviço percamos o destacamento que hoje funciona na APA Jacunem, dentro do nosso bairro”, alerta.

A Prefeitura da Serra, através de sua assessoria de imprensa, informou que não houve interrupção das atividades da APA e que o fornecimento de energia seria normalizado ainda  nesta quinta-feira (01).

Comentários

Mais notícias

Vereador da Serra pode justificar falta com atestado médico e sem aprovação do plenário

Vereadores da Serra não precisam mais submeter atestados médicos a apreciação do plenário para justificar a ausência. A Câmara aprovou durante a sessão desta...

Império de Fátima é campeã e desfila na sexta em 2021

A escola de samba Império de Fátima sagrou-se campeã do Grupo de Acesso B que desfilou na última quinta-feira (13) no Sambão do Povo,...

EDP anuncia falta de energia em bairros da Serra nesta quinta e sexta

Durante esta semana, muitas comunidades da Serra ficarão sem energia por um determinado período. Isso porque a EDP Espírito Santo irá realizar uma manutenção...

Festa carnavalesca vai misturar samba, marchinha e eletrônica em Manguinhos

Quer curtir um Carnaval diferente? Em Manguinhos vai ter samba, marchinha e um atrativo a mais que é a música eletrônica, e claro, a...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem